Publicado em 4/08/2014 as 12:00am

Colunista do BT ajuda prender criminosos em Newark (NJ)

O colunista social e fotógrafo Geraldo Carlos, mais conhecido por lutar pela segurança pública em Newark (New Jersey), foi mais uma vez vítima da onda de violência que assola a região.

O colunista social e fotógrafo Geraldo Carlos, mais conhecido por lutar pela segurança pública em Newark (New Jersey), foi mais uma vez vítima da onda de violência que assola a região. Na tarde de sábado (02) ele estava transitando na Ferry Street, quando chegou à esquina da Monroe Street e viu uma situação suspeita.

Geraldo conta que viu quando um homem dava orientações para alguns meninos. “Eu achei aquilo suspeito e fiquei observando e foi quando vi que os menores tinham como objetivo cometer roubo na região”, conta.

Logo depois os menores tentaram assaltar um hispano que estava passando por perto, em frente a um Dunkin Donuts que fica na região. A vítima não se intimidou e ameaçou os menores que forjaram uma fuga. “Mas quando o hispano virou as costas, um dos criminosos sacou de uma arma e apontou para ele”, falou Geraldo ressaltando que neste momento deu um grito em sinal de alerta.

Os menores ficaram com medo e fugiram, mas Geraldo os seguiu de longe para ver o que eles iriam fazer novamente. “Eu permaneci à distância para que eles não me vissem”, continua. Quando eles viraram na esquina da Polk Street, começaram a seguir uma outra vítima até a Lafayette Street.

Geraldo continuou seguindo os menores e conseguiu fotografá-los de frente para ter uma prova do rosto dos criminosos. Foi então que o fotógrafo viu uma viatura policial estacionada e logo foi procurá-la por ajuda. “Eu contei ao oficial o que tinha presenciado e imediatamente ele saiu para averiguar”, conta.

O policial viu os três menores passando nas proximidades e deu voz de prisão, mas eles tentaram fugir. Neste momento, um deles, o que estava armado, correu na direção em que estava Geraldo. “Eu travei e fiquei apavorado e neste momento não tive reação”, fala ele ressaltando que deitou no chão e entrou em pânico.

Geraldo explica que este medo se deve ao crescimento da violência na cidade de Newark. “Eu tenho presenciado muitos deste tipo e estou ficando com medo”, fala ressaltando que as autoridades precisam fazer alguma coisa. “Fiquei com medo de levar um tiro, pois não sabia se a arma era verdadeira”, continua.

Depois que Geraldo caiu, um policial disse para que os demais continuassem perseguindo os suspeitos que ele cuidaria do brasileiro. Logo em seguida uma ambulância chegou e fez os primeiros socorros. Depois, o fotógrafo foi levado para o hospital local, onde recebeu os tratamentos adequados.

Apenas um dos menores foi preso e Geraldo, mesmo no leito do hospital, alertou para o perigo da criminalidade em Newark. “Os policiais entraram em contato comigo e eu assinei como testemunha”, concluiu que as pessoas não podem ter medo de denunciar os criminosos. “Somente assim conseguiremos promover a segurança pública”, disse o colunista

Fonte: Da Redação do Brazilian Times / Texto de Luciano Sodré