Publicado em 18/09/2014 as 12:00am

Brasileiro rege uma das melhores orquestras do mundo em MA

O regente associado da Orquestra Sinfônica de Boston, Marcelo Lehninger é um dos maestros brasileiros de maior destaque no panorama internacional.

O regente associado da Orquestra Sinfônica de Boston, Marcelo Lehninger é um dos maestros brasileiros de maior destaque no panorama internacional. O repertório escolhido para nova temporada, vai impressionar os amantes da música clássica. A influência das origens do maestro Lehninger, está abrindo portas para a música clássica brasileira.

Será a primeira vez em 133 anos de existência da Orquestra Sinfônica de Boston que o repertório de abertura vai incluir o melhor da música brasileira - Villa Lobos. “Eu sou um defensor da música brasileira como a cultura viva do nosso país. O nosso país é rico em várias outras coisas, além do futebol, nós temos muita música de qualidade” afirmou Lehninger, honrado por fazer parte desse marco na história da música brasileira nos Estados Unidos.

Em entrevista, Marcelo falou sobre o misticismo que existe ainda nos dias atuais quanto à musica clássica. Apesar de exercer o posto de Maestro na Orquestra, ele brincou e disse que não é aquele “senhorzinho” que todos associam quando pensamos no Maestro de um Orquestra. Aos 34 anos, Marcelo afirma que não é um dos mais jovens. Mas que faz parte da nova geração de regentes.

“Existe um estigma muito grande em relação à musica clássica, as pessoas ainda associam música clássica com coisa de elite”, afirmou Lehninger, que também escuta rock nas horas de lazer.

“As pessoas não sabem, mas, rock e música clássica são parecidíssimos”, afirmou Lehninger.

Para Lehninger, a música tem um poder enorme dentro da sociedade e na vida das pessoas. Segundo ele, a música tem transformado a vida de muitos jovens em países como a Venezuela. Existem projetos sociais ligados à música, que tem tirado muitas crianças das ruas. Em países como os Estados Unidos a música também é uma atividade extra curricular. “Eu estive na china esse ano, e fui surpreendido pelo numero de jovens que estudam piano. O chinês realmente vê música como parte da educação. Atualmente são 20 milhões de estudantes de piano. Nos Estados Unidos, muitas universidades oferecem bolsas de estudo para jovens que sabem tocar algum instrumento”. Afirmou Lehninger, que sonha com uma educação melhor para as crianças brasileiras.

Atualmente Lehninger vive na cidade de Medford em Massachusetts. Ele também tem uma filha de 2 anos que já foi a vários concertos. Em casa, a música brasileira faz parte do dia-a-dia da família. Dentre os cantores populares que inspiram o maestro, não poderiam faltar: Tom Jobim, Chico Buarque e Caetano Veloso.

O Concerto de abertura da nova temporada da Orquestra Sinfônica de Boston acontecerá no dia 18 de setembro. Para mais informações acesse o site: www.marcelolehninger.com e confira as datas em Schedule.


Fonte: Da Redação do Brazilian Times | Texto de Jaqueline Gorgonio