Publicado em 17/04/2015 as 12:00am

Brasileiros lançam campanha para ajudar Geraldo 'Corredor da Paz'

Um evento beneficente vai ser realizado no dia 24 de maio no salão do Mantena Global Care, em Newark (NJ)

Depois de passar por uma crise cardíaca que quase o levou à morte, o fotógrafo freelancer e colunista do jornal Brazilian Times, Geraldo Carlos “Corredor da Paz”, passa por um processo de recuperação. Ele é natural de Governador Valadares e mora nos Estados Unidos há 28 anos. ´

Após uma operação de urgência realizada no Hospital Beth Israel, em Newark (New Jersey), o profissional está precisando da ajuda dos amigos para passar sem dificuldades o período pós-operatório. Além disso, ele terá custos alto com medicamentos e tratamento para a recuperação.

Diante disse um grupo de amigos decidiu ajudar e promover um evento beneficente que vai acontecer no dia 24 de maio. O evento vai ser no salão social do Mantena Global Care, localizado na Ferry Street, em Newark. Trata-se de um almoço onde o dinheiro arrecadado será utilizado para a compra de remédios.

Além do almoço, acontecerá uma rifa de um aparelho de televisão de tela plana com 40 polegadas e um relógio de pulso, de luxo, da marca Seiko que foi doado pela

Gelson's Jewelry.

Os bilhetes para participar desta rifa custam US$ 5 e já podem ser adquiridos. Os telefones para saber como comprar são (212) 470-4703, com Geraldo, ou (973) 202-1423, com Cláudia Cascardo. O resultado será baseado no sorteio da loteria Pick 3.

Geraldo ficou conhecido na comunidade brasileira em todo os Estados Unidos devido ao seu ativismo social e sempre estar ligado em causas beneficentes.

Ele sempre lutou contra a desigualdade social, integridade e transparência nas entidades que defendem os direitos dos brasileiros neste país.

Além disso, Geraldo já arriscou a vida para combater o crime e ajudou a polícia por na cadeia alguns criminosos.

Os organizadores esperam que pessoas de várias partes de New Jersey e de outros estados colaborem com o evento, pois Geraldo tem um histórico de atividade nas principais comunidades brasileiras no país.

Fonte: Da redação - Agência de Notícias Brazilian Times (ANBT)