Publicado em 10/08/2015 as 12:00am

Comunidade defende mãe que tentou "sequestrar" os filhos

"Ela agiu com a dor de uma mãe que quer os filhos ao seu lado", disse uma pessoa na fan page do BT no Facebook

Da redação

Na quinta-feira (06), na cidade de Abington (Massachusetts), a brasileira Bruna Gomes foi presa depois de invadir a casa do ex-marido, jogar spray de pimenta no rosto da babá e fugir com os dois filhos. Através de um empenhe da polícia local em parceria com o FBI e ajuda das redes sociais, ela foi encontrada no mesmo dia e presa em Yarmouth, região do Cape Cod.

A princípio, ela seria considerada mais sequestradora de crianças, mas o curioso é que mesmo ela pegando, sem autorização, as crianças e colocando a vida da babá em risco com o spray de pimenta, a maior parte da comunidade ficou do seu lado. Na matéria publicada na página do Brazilian Times no Facebook, dezenas de pessoas creditaram apoio à ela e afirmaram que tudo “foi um ato cometido por uma mãe desesperada”.

Tentando entender a posição destas pessoas, a reportagem do BT tentou contato com algumas, mas todas se negaram a fala ao jornal, mesmo tendo seus comentários divulgados em sua página. Muitos defendem que os filhos devem ficar com a mãe e que pai da criança deveria ajuda-la a sair da prisão.

O fato de Bruno, o pai das crianças, tê-las enviado para morar com os avós no Brasil gerou grande revolta entre os leitores do BT. A ativista Lídia Souza concordou que a mãe teve um momento de insensatez, mas que o pai mente ao contar a história. Ela é responsável pela campanha que arrecadou US$25 mil para pagar a fiança de Bruna.

O mineiro Rafael Mendes disse que as pessoas estão analisando sem o lado lógico da questão. “Tudo bem que a mãe queria os filhos do seu lado e para isso existem leis. Mas pegá-los sem autorização, jogar spray de pimenta e fugir sem dar satisfação. Será que alguém acha isso certo? Se acharem, acho que esta comunidade tem dois lados de uma mesma moeda, pois já vi muitas pessoas aqui criticando pais que tentam de tudo para ficar com os filhos”, fala. “Eu mesmo fui bastante criticado quando tentei a guarda do meu filho, pois a mãe dele vivia nas noitadas, bebendo e dirigindo embriagada”, e mesmo assim as pessoas me criticaram. Por que uma mãe pode sentir a dor de mãe e um pai não?”, indagada.

Marlia Granigan, colunista do BT, levantou uma questão de como Bruna conseguiu o spray de pimenta, pois em Massachusetts a pessoa deve ter porte de arma para usá-lo. “Para todo ato impensado existe uma consequência, especialmente aqui nos EUA. Não defendo nenhum dos lados, mas acho que quem está sofrendo com tudo isto são as crianças”, afirma.

Para Grace Vieira Castro, mesmo agindo no desespero, Bruno apenas atrapalhou tudo e pode ter prejudicado o seu processo pela guarda dos filhos. “Ela demonstrou total desequilíbrio  e não está apta para cuidar destas crianças, colocando as em risco, até de serem acolhidas pelo governo, o que seria totalmente terrível”, afirma.

ENTENDA O CASO, SEGUNDO PARENTES E AMIGOS DE BRUNA

- Os dois filhos de Bruna Gomes e Bruno Coelho nasceram nos EUA; Natália tem 7 anos e Nathan, 8;

- Eles foram para o Brasil, onde viveram com os avós paternos por 4 anos;

- As duas crianças voltaram este ano para visitar, e ficou acertado (segundo parentes), que Bruna teria alguns dias da semana com os filhos;

- De acordo com amigos e parentes de Bruna, o pai teria impedido a Bruna de ver os filhos por duas semanas;

- O pai, ainda segundo parentes de Bruna, seria a favor dos filhos morarem no Brasil;

- Bruna discorda, e teria se negado a assinar documentos relacionados à viagem dos dois filhos;

- Bruna tem outro relacionamento, e deu a luz uma criança há 8 meses;

- O pai tem outro relacionamento também;

- De acordo com a tia de Bruna, Luzilenia, na segunda e na terça, Bruna tentou encontrar um meio legal de ver os filhos, mas não conseguiu;

- De acordo com amigos de Bruna, no momento em que a Bruna chegou na casa do ex-marido na quinta-feira, quem estava tomando conta dos filhos era um homem, que seria um “roomate”. Bruna usou o spray de pimenta no rosto deste indivíduo;

- Quando foi encontrada no hotel Econo Lodge em Yarmouth, Cape Cod, Bruna estava com os 2 filhos do primeiro casamento e o bebê de 8 meses;

- De acordo com amigos, Bruna sofre de depressão;

- Os filhos Natalia e Nathan foram entregues ao pai na noite de quinta, 6;

- E sobre o bebê de Bruna, que nasce há apenas 8 meses, haveria a chance de ser entregue para o Department of Children and Families;

- O que diz a Convenção de Haia sobre casos de “alienação parental” é que uma disputa de custodia deve ser resolvida pela Justiça país onde a criança nasceu, ou onde passou mais tempo de vida. Talvez por isso, a guarda das duas crianças ainda não tenha sido dada nem para o pai e nem para Bruna Gomes; (fonte: Eduardo de Oliveira)

Fonte: Brazilian Times