Publicado em 14/08/2015 as 12:00am

Método inovador de jogar futebol conquista crianças brasileiras em Massachusetts

O método chama-se Making Better Players (MBP), ou em português "Fazendo Jogadores Melhores".

Da redação 

Por algum tempo o administrador de empresas Craig Tornberg atuou como gerente de relações públicas do New England Revolution e se tornou conhecido na comunidade brasileira de Massachusetts. Agora, desde que deixou o cargo, ele tem investido em uma escola de futebol para formar crianças e adolescentes.

Além dos outros negócios que ele administra, a escola de futebol tem sido tratada com muito carinho por ele. E devido à sua experiência e ousadia, ele está reinventando a maneira como crianças.

Ele tem um trunfo a seu favor, sobre outras escolas do gênero nos EUA. Craig está reinventando o conceito de crianças e adolescente jogarem futebol nos EUA. Para isso, ele três técnicos do Barcelona que estão apresentando uma forma revolucionária de treinar futebol.

Craig conta que a técnica foi criada há 10 anos e envolve procedimentos que mexem com a inteligência do jogador mirim. “Além de aprender técnicas físicas, o aspecto do jogo como um todo, usa também o cérebro com jogos criados para favorecer o uso desta parte do corpo, que é fundamental para o aprendizado mais moderno do momento”, disse.

Com as técnicas usadas durante o treino, as crianças abrem a mente para um jogo mais completo, ágil, eficaz e em conjunto. Essa técnica é utilizada apenas por esses treinadores no mundo inteiro e resultam em jogadores mais habilidosos e preparados para o sucesso no futuro.

Craig explica que trouxe esta técnica para os EUA há 2 anos. “Está sendo um sucesso as aulas para as crianças”, fala. Segundo ele, todas gostam e saem satisfeitas com o aprendizado que não vão conseguir em outro lugar nos EUA e nem em outros países. “O intuito é fazer com que as aulas sejam proferidas para todas as partes dos EUA. No momento, as aulas estão sendo ministradas apenas no verão e em cidades como Everett, Mildford e Framingham”, disse.

Mas, segundo Craig, a ideia é expandir a técnica em todo o país. “Eu amo o futebol e faço o que faço por amor! Quero que todas as crianças tenham a oportunidade de aprender e ter a possibilidade de um dia jogar profissionalmente. Com essas técnicas, o futuro dessas crianças, se se empenharem, podem render mais frutos”, afirma.

Os técnicos

Os técnicos Jaime, Mark e Eduard que vieram diretamente do Barcelona para prepar as crianças para os treinos afirmam que estão satisfeitos com os resultados obtidos nestes dois anos de trabalhos com Craig. “Nossas técnicas foram baseadas em estudos de 10 anos. Começamos a dar essas aulas na Espanha há 4 anos e hoje estamos espalhados em muitos lugares pelo mundo, inclusive Brasil, México, Canadá e agora com a parceria com Craig nos EUA”, disse.

BRASILERINHOS DA ESCOLA

Entre os alunos que estão na escola de futebol, existem atletas de várias nacionalidades. Entre eles a brasileirinha Emanuelle Ferreira, que tem apenas 11 anos de idade. Ela começou a participar das aulas essa semana em Everett. “Nossa é tudo de bom. Eu estou aprendendo muito aqui. Os técnicos são muito bons e estou aprendendo novas técnicas todos os dias”, disse ela. “Espero um dia poder jogar muito, muito”, concluiu.

Outro brasileiro é Lucas da Silva que tem 12 ano e foi levado até a escola pelo seu pai. “As técnicas são diferentes, mexe com a nossa cabeça. Eu estou gostando muito de treinar aqui. Nos outros lugares eles não ensinam o que aprendemos aqui! Estou muito feliz!”, finalizou.

CONTATO

O método chama-se  Making Better Players  (MBP), ou em português “Fazendo Jogadores Melhores”. Para mais informações sobre as aulas ou conhecer o método é só ligar para: (617) 513-0202.

Fonte: Brazilian Times

Top News