Publicado em 9/09/2015 as 12:00am

Project Of Love AJUDA pessoas com solidão e depressão

Nubia da Silva, que é a mentora do projeto, disse que teve esse sonho de levar amor as pessoas, após três anos intensivos de depressão.

Stael DeMelo

Aconteceu no último sábado de setembro, a primeira festa do Project Of Love, na cidade de Framingham (Massachusetts). Crianças e adultos se misturavam na alegria contagiante das brincadeiras, música, sorteios e muita comida, e tudo totalmente grátis. Isso mesmo! Ninguém tinha que pagar absolutamente nada.

Nubia da Silva, que é a mentora do projeto, disse que teve esse sonho de levar amor as pessoas, após três anos intensivos de depressão. Seu esposo, Lúcio da Silva, os pastores Elias e Eliante Monteiro são seus maiores suportes. Contando também com uma equipe de células, eles vão até as pessoas que estão sentindo sozinhas e sem motivação para viver.

A grande ideia é levar esse projeto para as ruas, levar amor às pessoas, não importa onde elas estejam.

Nubia diz que sabe o que é pensar em suicídio como solução para a dor e agonia da alma. Ela entende que muitas pessoas saem do Brasil com sonhos e quando se deparam com a realidade, com a frustração de sonhos abortados, se veem totalmente sozinhas, longe da família, dos amigos, começam a desistir e entram numa tristeza profunda, levando muitos ao suicídio, como tem acontecido dentro da comunidade brasileira.

Nubia enfatiza que Deus colocou pessoas para ajudar e amá-la na época em que esteve no fundo desse poço e hoje ela sabe que pode ajudar outras pessoas, por isso decidiu não abrir mão de todos aqueles que quiserem ser ajudados.

“Hoje eu posso testificar que o amor cura, ele faz milagres, ressuscita sonhos. Enfim, era isso que Jesus fazia com as pessoas, e eu quero imitá-lo. Eu entendo que a igreja precisa se mover, sair das quatro paredes. Jesus levava carinho, abraço, dignidade, respeito, solidariedade e comida também”, disse.

“As pessoas estão lá fora, morrendo, gritando por socorro e nós, como igreja, não temos feito nada ainda”, continua, com os olhos lacrimejando.

Durante o evento, todas as pessoas foram abraçadas, ganharam um balão de coração e a pergunta era: quem é seu grande amor? Alguns respondiam que era o pai, a mãe, marido, filhos, etc. Então vinha a seguinte sugestão: entregue esse coração para o amor da sua vida, abrace-o e o diga o quanto ele é importante.

Lúcio da Silva disse que tem observado muito ódio dentro da comunidade. “As pessoas estão se ferindo, se isolando, se maltratando. Pessoas com tanta amargura, que não conseguem dar um abraço e isso é muito triste. Mas eu quero deixar uma mensagem aqui, que existe solução, sim. Que o amor rompe barreiras, que ele cura até câncer. A melhor coisa do mundo é sentir amado por alguém, e nós queremos fazer parte disso”, disse.

Pastor Elias Monteiro, falando sobre o projeto diz o seguinte: “o mínimo que temos que fazer é amar as pessoas, se Deus e amor, então nós também temos que ser, independente de raça, cor, língua, denominação, nós só estamos aqui para isso. Vamos continuar com o projeto”.

Ele concorda com a Madre Teresa de Calcutá, quando dizia que as pessoas têm mais fome de atenção do que de comida.

Nubia finaliza com a seguinte mensagem: “não fique pensando que você está sozinho nesse país e que ninguém se importa com você. Isso não é verdade, nós estamos aqui com o coração cheio de amor para lhe ajudar. Se você quiser, iremos até você lhe abraçar pessoalmente, te ouvir e te dar o nosso melhor. Conte com nossa ajuda, ela é sincera e voluntária”.

Osa telefones de contato: (774) 214-8444, com Lúcio da Silva, (774) 287-0057, com Núbia da Silva, ou (508) 361-3495, com Pastor Elias Monteiro. O e-mail de contato é nubiadasilva12@gmail.com

Fonte: Brazilian Times