Publicado em 18/09/2015 as 12:00am

Brasileiro é preso por estrangular enteada em Framingham (MA)

A promotoria relatou, durante audiência, que a menina "chegou a ver estrelas"

Da redação

Durante uma discussão, ocorrida na sexta-feira (11), um homem que mora na cidade de Framingham (Massachusetts) sufocou a sua enteada até ela “ver estrelas”, conforme afirmou um Promotor de Justiça. A afirmação foi feita na segunda-feira (14), no Tribunal Distrital local.

Dan Brunelli disse que o brasileiro Eduardo de Souza, 38 anos, foi preso em sua casa, na Auburn Street. “A enteada reportou a agressão depois que seu pai biológico a levou ao Departamento de Polícia”, informou.

Durante a audiência de acusação, o Promotor ressaltou que Eduardo agarrou a garota pelo pescoço e começou apertá-lo. “A menina, que tem 15 anos de idade, ficou tonta e começou a ver estrelas”, relatou. “Além disso, ele a puxou pelos cabelos com tamanha força que chegou arrancar alguns fios”, continuou.

O brasileiro foi preso por estrangulamento, violência doméstica e agressão. Ele depositou US$10 mil, para serem usados no pagamento da fiança, depois de sua prisão. Brunelli pediu ao Juiz David Cunis para manter o valor de US$10 mil e determinar que Eduardo fique longe de sua enteada. A mãe da menina se opôs à esta solicitação.

Cunis manteve o valor da fiança e ordenou que o brasileiro não abuse de sua enteada. Ele deverá retornar ao Tribunal no dia 12 de novembro para uma audiência de pré-julgamento.

 

MAPS OFERECE SERVIÇO DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E SEXUAL: Cambridge, Dorchester, Lowell

Horários: de segunda à sexta, das 9 da manhã às 5 da tarde.

Ajuda 24 horas: Ligue para o SafeLink, 1 (877) 785-2020.

Custo: Gratuito

Contato: em Lowell (978) 970-1250; em Dorchester (617) 825-5897; em Cambridge (617) 864-7600; Diretora do Programa, (617) 825-5897

Financiado por: US Office on Violence Against Women, Massachusetts Department of Public Health, Massachusetts Department of Children & Families (DCF), Massachusetts Executive Office of Public Safety VAWA funds, Massachusetts Office for Victim Assistance (MOVA), TJX Foundation

Massachusetts Office for Victim Assistance (MOVA),

Massachusetts Office for Victim Assistance (MOVA),

Massachusetts Office for Victim Assistance (MOVA), 

Fonte: Brazilian Times