Publicado em 21/09/2015 as 12:00am

Adolescente brasileira é atropelada e está em estado grave

Giulia cruzava a rua na faixa de pedestre quando foi atingida por um carro, cujo motorista foi identificada mais tarde por Fatmata Jalloh, 54 anos de idade.

Da redação

Na tarde de quinta-feira (17), uma estudante brasileira de 14 anos foi atropelada após deixar o ônibus escolar e atravessar a Wood Street, na cidade de Lowell (Massachusetts). Segundo informações, ela cruzava a rua na faixa de pedestre quando foi atingida por um carro, cujo motorista foi identificada mais tarde por Fatmata Jalloh, 54 anos de idade.

A motorista não teria respeitado os sinais de pare do ônibus e atropelou a brasileira, que foi jogada contra o capô do veículo, momento em que ela foi atropelada pela segunda vez. O condutor continuou dirigindo até bater de frente com um carro que vinha na direção contrária.

A brasileira foi levada, de helicóptero, para o Tufts Medical Center, em Boston (MA), onde permanece em estado grave. O boletim médico informa que ela sofreu ferimentos sérios no rosto.

Jalloh teve a sua carteira de motorista revogada pelas autoridades locais e poderá ser acusada criminalmente após a reconstituição do acidente e conclusão das investigações. ela e o condutor do outro veículo envolvido no acidente foram transportados para hospitais locais, onde foram medicados por pequenos ferimentos e liberados.

A adolescente é Giulia Silveira, membro de uma família brasileira que chegou há pouco tempo aos Estados Unidos. A sua tia, Lúcia McAlon, usou as redes sociais para pedir orações pela sobrinha. “Orem por ela que está na CTI em estado grave”, disse.

Algumas pessoas em contato com o Brazilian Times afirmaram que a adolescente é de Criciúma  (Santa Catarina)

Fonte: Brazilian Times

Top News