Publicado em 12/11/2015 as 12:00am

Brasileiros vão ao Kuwait servir o Exército dos EUA

Os quatro trabalharão como motorista de caminhões que levarão comida e para regiões onde ainda existem conflitos

Um grupo formado por quatro brasileiros está a caminho do Kuwait, onde servirá o Exército dos Estados Unidos. Eles deixaram Massachusetts, estado onde mora, no dia 25 de outubro e estão no Texas, onde aguardam a hora de seguir para a região de conflito. Os soldados são Daniel Teixeira (de Chelsea), Fabricio Andrade (de Framingham), Jian Barcelos (do Cape Cod), Lucas Araújo (de Newton).

Segundo Rafaela Kissila Andrade, esposa Fabrício, os soldados embarcam no dia 09 de dezembro para o Kuwait, onde ficarão por um período. Eles serão motoristas de caminhões que levarão comida, armas entre outros itens para regiões de conflito, inclusive nas proximidades do Iraque. “Estou bastante apreensiva, pois esta é a primeira vez que ele participa de uma missão assim”, disse.

Os soldados ficarão na região por 400 dias e no próximo mês Kíssila está grávida e ganhará a segunda filha do casal no próximo mês. “Fico triste porque ele não estará aqui ao medo lado neste momento tão importante, mas por outro lado fico feliz porque sei que ele está defendendo o nosso país”, comenta.

Fabrício já atua na Guarda Nacional em Framinham por sete anos. É casado há cinco anos e além do bebê que sua esposa está esperando, o casal tem uma menina de dois anos. Kissila conta que por enquanto ainda mantém contato com o marido, mas depois que ele sair do país, ela não sabe como será, “pois o grupo vai para uma região de pouca comunicação”. Ela teme ficar semanas sem conversar com o esposo e não ter notícias de como ele está.

Fabrício é natural de Guanhães (Minas Gerais) e chegou aos Estados Unidos em junho de 2007. Ele se graduou na Keefe Technical High School, em 2010, onde conheceu Kissila e se casaram enquanto ainda estudavam

Fonte: Luciano Sodré