Publicado em 12/11/2015 as 12:00am

Eu só quero passar um "weekend" com você

Banda Blitz 30 anos

“Banda Blitz 30 anos”. No dia 22 de Novembro (Domingo) está confirmadíssimo pelos promotores Teles e Zilda, que a melhor banda brasileira de todos os tempos, a Blitz, vai se apresentar ao vivo em nossa região, na 147 Frost Street, em Tyngsboro (MA). A banda foi

um fenômeno musical nos anos 80, eles cantavam músicas bem-humoradas e

cheias de swing. A Blitz fazia tanto sucesso, que suas letras logo caiam na boca do público como um jargão. As “Elizabetes” sofriam, era um tal de “Calma Bete, calma”.

Uma verdadeira febre, todo mundo cantava junto, curtiam o som do grupo formado por Evandro Mesquita (guitarra e voz), Fernanda Abreu e Márcia Bulcão (backing vocals), Ricardo Barreto (guitarra), Antônio Pedro Fortuna (baixo), William "Billy" Forghieri (teclados) e Lobão (bateria), que em seguida foi substituído por Juba.

Os clubes lotavam e os ingressos se esgotavam rápido. Eu mesmo me lembro que tive dificuldades em conseguir um nas mãos de um cambista, mas valeu.

Nas rádios era sucessos, o dia inteiro podia se ouvir canções como "Você Não Soube Me Amar", "Mais Uma de Amor (Geme Geme)", "A Dois Passos do Paraíso", "Betty Frígida", "Weekend", "Biquíni de Bolinha Amarela Tão Pequenininho", "Egotrip" estouraram nas paradas de sucesso de todo o Brasil.

A Blitz era presença constante nas rádios e também nos programas de televisão. Todo mundo adorava a irreverência, o modo divertido com que eles se apresentavam. O ritmo dançante das músicas contagiou toda uma geração, na qual me incluo.

Os clipes musicais, muito comuns na década de 1980, ajudaram a popularizar a banda. E assim como as músicas, os clipes também eram irreverentes, leves e bem-humorados. Bem ao estilo Blitz de ser.

Além das canções irreverentes que faziam muito sucesso com os jovens da época, as meninas adoravam Evandro Mesquita, o galã da Blitz. Enquanto as meninas suspiravam por Evandro Mesquita, os rapazes ficavam de olho na vocalista, Fernanda Abreu, que em seguida partiu para carreira solo.

A Blitz é uma banda tipicamente carioca, alegre irreverente. O vocalista Evandro mesquita, sempre interagindo com o público, um cara gente boa, podemos classifica-lo assim. Hoje a banda não é formada com todos que começaram nos anos 80, no Circo Voador, mas permanecem alguns como o Evandro. Vale apena conferir.

Os produtores, Teles e Zilda, estão de parabéns pelos eventos que vem realizando, inclusive em entrevista com eles, me disseram que não vão parar por aí. Já há outros eventos programados, que com certeza agitarão a região, que é carente de eventos culturais. “Nosso desejo é de trazer atrações. Não podemos ficar presos a Boston por exemplo, temos infraestrutura e público, só espero que a comunidade nos apoie, estamos fazendo tudo com maior carinho, os brasileiros merecem”, disse Teles.

Realmente amigos, não é fácil organizar um evento como esse. O risco é grande, eu admiro a coragem deles. Tenho conversado com alguns amigos que já garantiram seus ingressos em Nashua, na Loja Tropical Side e na Padaria Brasileira. Mais informações ligue (978) 305-0883

Por Cosme Neles

Fonte: Cosme Neles