Publicado em 16/12/2015 as 12:00am

Brasileiros são naturalizados nos EUA em cerimônia com presença de Obama

Imigrantes de 25 países recebem a sua cidadania em uma cerimônia emocionante

Nesta terça-feira (15), no Museu de Arquivos Nacionais em Washington, aconteceu uma cerimônia de naturalização. O evento contou com a presença do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, e 31 imigrantes de 25 países receberam a sua Cidadania, entre eles dois brasileiros.

Durante o discurso, o presidente destacou a importância dos imigrantes para o crescimento do país. “Vocês são homens e mulheres oriundos de 25 países, do Brasil a Uganda. Todos nascemos imigrantes. A origem dos EUA é na imigração e é isso que nos faz excepcionais”, disse.

Brasileiros que juraram a Bandeira e se tornaram cidadãos dos Estados Unidos são Ivan de Jesus e Patricia Vieira da Silva. Além deles, também foram naturalizados um refugiado do Iraque e um acadêmico do Congo.

No local onde aconteceu a cerimônia, estão em exposição permanente as Cartas da Liberdade, Declaração de Independência, Constituição dos Estados Unidos e Declaração dos Direitos.

Obama aproveitou a cerimônia para defender com vigor uma reforma nas leis de imigração.

Dia 15 de dezembro marca o 224º aniversário da ratificação da Declaração de Direitos. Em 2016, o Arquivo Nacional vai comemorar o 225 anos com uma nova exposição intitulada " Amending America."

A cerimônia de naturalização foi apresentada em parceria com a Casa Branca, o Tribunal Distrital dos EUA no Distrito de Columbia e o Departamento de Segurança Interna e Serviços de Cidadania e Imigração.

Richard W. Roberts, do Tribunal Distrital dos Estados Unidos no Distrito de Columbia, presidiu a cerimônia Os novos cidadãos são do Brasil, Bulgária, Camarões, Canadá, Colômbia, República do Congo, República Checa, República Dominicana, El Salvador, Etiópia, França, Gabão, Alemanha, Honduras, Hong Kong, Iraque, Irlanda, Jamaica, Nepal, Peru, Filipinas, Roménia, Santa Lúcia, Uganda e Venezuela.

Fonte: Redação

Top News