Publicado em 18/01/2016 as 12:00am

Brasileiros fazem campanha para levar corpo de gaúcho para o Brasil

De acordo com os exames preliminares, Lucas faleceu no dia 25 de dezembro, ou seja, no dia seguinte após ter ingressado nos EUA

O brasileiro Lucas Soares Paiva foi encontrado morto no apartamento de uma amiga, em New York City, no último 29 de dezembro.

Natural do Rio Grande do Sul, Lucas tinha acabado de chegar da Austrália, local onde viveu por mais de vinte anos e trabalhava como professor. Segundo a família ele disse que tinha novos horizontes a trilhar e por esse motivo deixou a Austrália. Foi quando entrou em contato com uma amiga aqui nos EUA, a qual emprestou o apartamento para que ele ficasse aqui nestes dias de passagem pela América.

De acordo com Marcos Maciel, amigo da família que está responsável por ajudar no caso nos EUA, a amiga, que prefere não se pronunciar por ainda estar traumatizada, disse que eles combinaram de passar o Reveillon juntos, porém, ele chegou no dia 24 de dezembro e como era Natal a amiga estava fora da cidade, pois ia passar as festividades natalinas com sua família em outro Estado americano. Ela deixou as chaves na portaria do apartamento e foi assim que Lucas teve acesso ao apartamento da moça.

Quando retornou de viagem, no dia 29 de dezembro, ela abriu o apartamento e sentiu o forte odor, foi quando se deparou com Lucas sem vida em seu apartamento. As autoridades foram chamadas e estão cuidando do caso, que ainda não tem maiores notícias sobre a causa da morte e os policiais continuam a investigar.

De acordo com os exames preliminares, Lucas faleceu no dia 25 de dezembro, ou seja, no dia seguinte após ter ingressado nos EUA. A polícia está analisando as câmeras de segurança do prédio e os pertences de Lucas estão nas mãos dos policiais para as investigações.

Amigo da família, Marcos Maciel está tomando as providências para o envio do corpo para o Brasil e o Consulado Brasileiro em NY está mediando os contatos.

O próximo passo é arrecadar fundos para que possam levar o corpo do brasileiro ao Brasil, Marcos e uma amiga estão movendo uma campanha aqui nos EUA na qual as pessoas podem doar qualquer valor, a fim de ajudar com as despesas de transporte e funerária.

“Para todos nós foi um choque, porque o Lucas é jovem e não sabemos o resultado dos exames que vai esclarecer do que ele morreu. A família dele mora em Porto Alegre e mãe e pai estão sem condições psicológicas para fazer a viagem aos EUA, foi por isso que me pediram para tomar as providências por aqui, fazer o reconhecimento do corpo e ajudar a enviar o Lucas de volta ao Brasil”, comentou Marcos.

“O que precisamos agora é ajuda nesta campanha para poder retirar o corpo dele do hospital e encaminhar ao Brasil, não temos muito tempo e qualquer ajuda é bem-vinda”, solicita Marcos.

Quem quiser ajudar na campanha, basta acessar o link abaixo e fazer doação de qualquer valor.

www.youcaring.com/jane-fatima-soares-502620

Fonte: Por Marisa Abel