Publicado em 5/02/2016 as 12:00am

Como as pessoas com necessidades especiais chegaram até a escola

Um breve histórico de como as pessoas com necessidades especiais chegaram à escola regular.

Com certeza a educação é para todos. Mas na verdade antes do surgimento da lei (Public Law 94-142 The Education for All Handicapped Children Act) as pessoas com sério comprometimentos intelectual, físico, comportamental, emocional, muitas vezes, eram inseridas em instituições.  A realidade é que as famílias, sem ter onde buscar apoio se viam forçadas a inseri-las nessas instituições.  Na maioria das vezes, as instituições ofereciam apenas as proteções mínimas de subsistência como: comida, roupas e abrigo, sem oferecer acesso à educação e a reabilitação.

 A partir de 1800 começaram a melhorar as condições de atendimento e proteção para a população de deficientes. Willingham Gallaudet, em 1817 forma o primeiro programa de educação especial e escolas residências começaram a surgir entre 1850 e 1950 tendo como foco pessoas com deficiência visual, auditiva, cognitiva, dentre outras.  O primeiro estado a criar sala com atendimento exclusivo para deficientes foi em Rhode Island.

Se você conhece a história dos Estados Unidos, provavelmente saiba que este país passou por uma grande batalha contra a discriminação racial, inclusive nas escolas e que somente foi resolvida com a decisão histórica do caso Brown vs, Board of Education em que a Suprema Court decidiu finalmente colocar um fim na segregação dentro das escolas públicas em 1954. Essa decisão teve repercussão também na sociedade que começou a se conscientizar sobre os direitos iguais que todas as pessoas têm à educação. 

Entre 1960 e 1970 um movimento de pais com filhos com necessidades especiais começou a ganhar força por buscarem incessantemente por melhorias no tratamento a pessoas com deficiência. Massachusetts se destacou ao formar a primeira lei nos Estados Unidos intitulada - Chapter 766, garantindo uma educação apropriada e gratuita a todos os estudantes com necessidades especiais.  A lei Chapter 766, hoje conhecida como Massachusetts Special Education Law serviu de modelo para formar a primeira legislação Federal de Educação Especial no país.  Em 1975 o Congresso Americano aprovou a Lei Federal (Public Law 94-142 The Education for All Handicapped Children Act). Essa lei já passou por várias mudanças desde 1997 e hoje é conhecida como: Individuals with Disabilities Education Act (IDEA) 2004. 

De acordo com o censo de 2010 estima-se que 56,7 milhões de pessoas vivam com algum tipo de deficiência nos Estados Unidos e graças à mobilização de famílias, da sociedade civil organizada e o empenho de legisladores comprometidos com a nobre causa. Hoje os estudantes com qualquer tipo de deficiência conquistaram o direito de frequentar escolas públicas. Muita coisa ainda precisa ser mudado em nossa sociedade para que pessoas com necessidades especiais recebam um tratamento digno como qualquer outro cidadão. O importante é que já foram dados os primeiros passos para que essa mudança aconteça.

Contato:  Federação para Crianças Especiais. 617-399-8329 e-mail: Rsmith@fcsn.org

 

Fonte: Rhea Smith, Especialista em Informações sobre Educação Especial.