Publicado em 4/04/2016 as 11:00am

Sofreu um acidente de carro, ligue para Total Help

A Total Help também oferece profissionais para ajudar nas áreas de processos criminais (DUI)

Muitos brasileiros passam por problemas com a Justiça norte-americana todos os dias e neste momento é sempre bom ter um profissional experiente ao seu lado para ajudar. A Total Help Lawyer Referal Services conta com uma equipe capaz de dar assistência em todos os casos. Por isso, se você bateu o seu carro, não precisa ficar desesperado. Saiba que independente do status imigratório, todos têm direito.

A Total Help também oferece profissionais para ajudar nas áreas de processos criminais (DUI), divórcio nos Estados Unidos e Brasil, multas de trânsito, traduções, serviços consulares, entre outros. Consulte um dos advogados da empresa para saber quais são os seus direitos.

A Total Help atende nos estados de New York, Florida e Massachusetts. Ligue para 1-888-633-335 para saber mais informações ou pedir ajuda de um profissional. O escritório fica localizado no 38-05 Broadway, 2nd Floor, em Astorio (New York).

A total Help está estabelecida há quase 20 anos e se tornou sinônimo de inovação e competência. A cada ano, a companhia cria novas opções para ajudar a melhorar a vida dos imigrantes nos Estados Unidos, especialmente as comunidades Brasileira, Portuguesa e Hispânica.

Os advogados que trabalham com a empresa, atuam basicamente em todas as áreas do Direito e a maioria das consultas são gratuitas. Isso ajuda os clientes quando eles precisam tomar decisões difíceis e importantes. Quando a comunidade é mais informada, a chance da população ser enganada ou explorada é menor. A missão é fornecer informação e auxílio da maneira mais correta em nossas consultas.

A Total Help tem intensa participação em rádios, televisão, revistas e jornais. Isso aprofunda o objetivo da companhia em informar os membros da comunidade sobre os seus direitos e deveres. Outras informações são referentes à obtenção da Carteira de Motorista e para as mudanças nas legislações de imigração.

Fonte: braziliantimes.com