Publicado em 1/06/2016 as 4:30pm

Grêmio USA investe no futebol feminino

Futebol femino está em alta nos Estados Unidos

O Grêmio USA, escola oficial do clube gaúcho na América, lançou uma turma só para meninas em seu núcleo de Marlborough (Massachusetts). Depois do sucesso da equipe adulta, a ideia agora é incentivar as meninas a jogarem futebol. As aulas são ministradas todas as sextas-feiras, de 6 às 8 p.m., no Middle School de Marlborough, localizado no 15 Union Street. “As mães podem achar que é apenas brincadeira, que não dá futuro, não leva a lugar nenhum, mas o futebol aqui nos Estados Unidos é muito mais sério do que se possa imaginar. Existem mais de 10 milhões de praticantes na América, é o esporte número um das americanas, e o pais é o atual campeão mundial e olímpico da modalidade. Além disso, o futebol é o esporte que mais oferece bolsas nas faculdades para as mulheres, assim sendo quem coloca sua filha para praticar o esporte, corre o sério risco de ter uma economia no futuro de US$3 mil mensais, que é o preço médio de uma boa Universidade”, afirma Alexandre Saleh, responsável pelo Grêmio USA e um dos pioneiros do futebol feminino no Brasil, quando começou em 1981 na praia de Copacabana. 

Alexandre assumiu, em 2014, o licenciamento do FF do CR Flamengo onde tinha o maior projeto da história do esporte, mas não conseguiu patrocinadores para apoiar o trabalho. Como não conseguiu o patrocínio, o clube não renovou em 2015 o licenciamento e entregou a Marinha do Brasil, que foi agora campeã brasileira pela primeira vez na história do clube. 

Informações para o futebol, tanto para as meninas como para os meninos, ligue (508) 933-9127. Quem quiser saber mais sobre o núcleo acesse o site www.gremiousa.com.

Fonte: braziliantimes.com