Publicado em 22/06/2016 as 8:00am

Número de imigrantes detidos na fronteira continua a subir

Segundo as autoridades no mês de maio foram registradas mais de 40 mil detenções

Segundo dados divulgados pelo Departamento de Imigração dos Estados Unidos, o número de imigrantes detidos ao longo da fronteira do país como o México continua a subir. Somente no mês de maio foram registradas 40.366 mil detenções. Este número é o maior desde julho de 2014 e até da data deste ano fiscal já foram apreendidos 264.192 mil estrangeiros tentando entrar no país na fronteira.

Entre os números relacionados no mês de Maio, 6.788 detenções envolviam imigrantes viajando com a “família” e 5.699 menores não acompanhados. No ano fiscal de 2015, até o momento, já foram registradas 38.566 detenções de menores, sozinhos, tentando cruzar a fronteira.

A maioria dos menores detidos são oriundos de El Salvador, Honduras e Guatemala e a maior justificativa é a “fuga da violência de seus países de origem”. Brandon Judd, presidente do Conselho Nacional de Patrulha de Fronteira, estima que pelo menos 80 por cento dos imigrantes detidos na fronteira são liberados para viver nos EUA até o dia da deportação. “Mas eles desaparecem e não o encontramos mais”, afirma.

Em resposta ao aumento contínuo da imigração ilegal na fronteira a administração do presidente Barack Obama abriu um canal alternativo para que menores da América Central com os pais que vivem nos EUA tenham a oportunidade de morar no país. "O Programa de Menores da América Central já recebeu 8.948 pedidos e foram aprovados mais de 1.448 processos com status de refugiado ou liberdade condicional para imigrantes de El Salvador, Honduras e Guatemala" relatou um comunicado da Patrulha da Fronteira.

Fonte: braziliantimes.com