Publicado em 20/08/2016 as 8:00am

PERSONALIDADES MASSACHUSETTS

Nosso entrevistado desta semana é o empresário pernambucano João Arruda

A sessão “Personalidades de Massachusetts” desta semana bateu um papo com o empresário brasileiro, sócio de uma unidade da Century Union, localizada no centro de Framingham e também presidente da reconhecida entidade CLD USA (Câmara dos Dirigentes Lojistas): João Arruda.

Casado há 39 anos com a brasileira Dulce Melo, pai de Patrícia e Cesario Neto e avô de Sophia e do Antonio Cesario, João é pernambucano, nascido na cidade de Timbaúba, reside nos Estados Unidos há mais de 12 anos, mora na cidade de Maynard (MA) e é muito conhecido e querido pela comunidade brasileira.

Com vocês o empresário: Joao pão Arruda!

BT: Você está há 12 anos no comércio aqui nos EUA. Quais os serviços que a sua loja oferece atualmente para a comunidade brasileira?

João Arruda: Inicialmente tive lojas de conveniência. Hoje a Century Union, em Framingham, oferece passagens e tudo que está relacionado ao turismo, remessa de dinheiro e caixas para o Brasil, além de também representarmos uma ótima empresa de mármores e granitos. Temos um entrosamento muito grande com a comunidade. Inclusive meu sócio, Fiel Costa, tem uma participação diária com a igreja São Tarcísio.

BT: Há quanto tempo você está à frente da presidência da CDL USAR45F4RF ?

João Arruda: Iremos comemorar 10 anos, em 23 de novembro. Até hoje estou como presidente. Está na hora de fazermos as mudanças...

BT: Com a experiência de todos esses anos envolvido com a comunidade brasileira, você acredita que a comunidade seja unida?

João Arruda: Sim. Precisa sempre de motivação e como entidade, as resistências são as mesmas do Brasil.

BT: Qual a sua opinião sobre os atuais candidatos à presidência americana?

João Arruda: A candidata Hillary Clinton, além de ter experiência, tem uma vasta folha de serviços prestados ao país. Quanto ao Trump, um empresário de sucesso, mas ainda está muito longe de envolvimento com tão importante cargo. Meu conselho para ele é: desista já!

BT: Após 12 anos de EUA, você sente falta de algo no Brasil?

João Arruda: Sim. Da família e de amigos.

BT: Para você, qual é o maior desafio para o brasileiro que vive nos Estados Unidos?

João Arruda: Se acostumar com os costumes, regras e até disciplina, além de conviver longe dos familiares.

Fonte: Thais Partamian Victorello