Publicado em 3/10/2016 as 12:00pm

AOTP promove o ensino e aprendizado da língua portuguesa

A entidade atua nas áreas de formação de professores, promoção de pesquisas especializadas, oportunidades de trabalho, conferências e publicações

Com o objetivo de responder às necessidades profissionais dos professores de português como língua estrangeira e como língua de herança nos EUA, em 2007 foi fundada na Florida a American Organization of Teachers of Portuguese (AOTP). A ideia surgiu por iniciativa de seis professoras daquele estado: Anete Arslanian (uma carioca que recebeu o prêmio de Professora do Ano na Flórida em 2006-2007), Beatriz Cariello, Adriane Silva, Leila da Costa, Lenita Orourke e Carmen Spangenberg. A AOTP surgiu para responder às necessidades profissionais dos professores de português como língua estrangeira e como língua de herança nos EUA.

 A AOTP trabalha para promover o ensino e aprendizado da língua portuguesa e das culturas dos países lusófonos nos EUA. “Como organização profissional, trabalhamos ainda para que os nossos membros, professores de português, tenham à sua disposição as melhores ferramentas pedagógicas, conheçam as mais atualizadas metodologias e pesquisas sobre o ensino de línguas estrangeiras, e exerçam as suas funções nas melhores condições possíveis”, afirma Luis Gonçalves, presidente da associação e também professor de português e de espanhol na Princeton University.

Atualmente com cerca de 300 membros, sendo a maior parte profissionais que trabalham nos EUA, mas também com membros em outros 22 países, a AOTP atua nas áreas de formação de professores, promoção de pesquisas especializadas, oportunidades de trabalho, conferências e publicação, engajamento comunitário e bolsas. “Além disso, temos ajudado pais no processo de pedir aos Educational Boards para estabelecer programas de português para os seus Filhos – temos ajudado em todo o processo, desde escrever a proposta, ao desenvolvimento do currículo, até à contratação de professores”, relata Luis.

A organização desenvolve uma série de atividades voltadas a valorização da língua portuguesa, tais como:

- Uma conferência anual, o EMEP – “Encontro Mundial sobre o Ensino de Português” que reúne entre 150 a 200 professores de português de todo o mundo;

- Publicação anual de um livro com artigos avaliados por pares, que resulta dos trabalhos apresentados no EMEP;

- Publicação do Portuguese Language Journal;

- Disponibilizam uma biblioteca virtual de eBooks e artigos sobre o ensino de português e de línguas estrangeiras;

- Sugerem ideias de como elevar o perfil dos programas de português nas escolas e universidades para manter o nível de inscrições saudável e os programas sustentáveis;

Além de uma série de projetos e programas voltados para a língua portuguesa.

Para conhecer mais sobre a American Organization of Teachers of Portuguese, acesse o site: www.aotpsite.net.

Fonte: Thais Partamian Victorello