Publicado em 26/10/2016 as 5:00pm

A partir de sexta-feira, dia 28, os pedágios de MA não poderão ser pagos em cabines

Quem não adquirir o aparelho EZ-PASS poderá pagar mais caro por pedágios, cujo a cobrança será enviada por correspondência para a residência do motorista

A partir da próxima sexta-feira, dia 28, os pedágios de Massachusetts não poderão mais serem pagos em dinheiro, recebidos nas tradicionais cabines espalhadas pelas estradas do estado. De acordo com o novo sistema, quem não adquirir o aparelho EZ-PASS para o seu veículo, irá receber uma notificação com a cobrança, podendo ter que pagar taxas mais caras por isso.

Com o novo sistema de cobrança, quem tiver o aparelho acoplado no automóvel poderá economizar quanto aos valores praticados na cobranças atuais, por exemplo, viajando do estado de New York para Boston o pedágio atual de US $ 6,60 será reduzido para US $ 5,95 com o EZ – Pass, em contra-partida, o trecho de Westborough para Weston pode aumentar de US $0. 70 centavos para US $ 0.95 centavos.

No geral, para os condutores de Massachusetts com EZ-Pass, cerca de 47% das viagens custará menos do que hoje e cerca de 5% das viagens custará o mesmo enquanto que 48% podem ser reajustadas. Autoridades informaram que a projeção é que com a cobrança totalmente eletrônica, os motoristas devem poupar mais de 280.000 horas e até 875.000 galões de gasolina por ano, reduzindo assim as emissões de gases de efeito estufa em até 7.800 toneladas por ano.

A demolição das cabines de pedágio começa no dia seguinte da mudança,no  sábado, 29 de outubro. Calcula-se que o trabalho de demolição posssa atrapalhar um o movimento dos carros nos locais onde estão hoje as praças de pedágio, mas as autoridades esperam finalizar o trabalho no prazo de 30 dias, para assim, poder aumentar um pouco os limites de velocidade no entorno. "Vai ser um pouco agitado nos primeiros 30 dias; então vai ficar melhor ", afirmou o administrador da Auto-estrada Thomas J. Tinlin.

Com essa alteração na forma de cobrança, cerca de 510 funcionários em tempo integral e parcial podem ser afetados, embora alguns asejam transferidos para outros postos de trabalho para desenvolverem outras funções. 

Calcula-se que cerca de US $ 5 milhões serão economizados com custos operacionais anualmente com a implementação do novo sistema.

Fonte: Da redação