Publicado em 28/11/2016 as 10:48am

Brasileiro com leucemia faz transplante de medula óssea

No dia do Thanksgiving Jefferson Silva passou por transplante e se recupera bem no hospital, onde deve permanecer de quatro à seis semanas

A última quinta-feira, dia 25, foi uma data muito especial, para o jovem brasileiro, morador de Lowell (Massachusetts), Jefferson Silva, de 19 anos. A ocasião foi muito esperada não apenas por ter sido o Dia de Ação de Graças (Thanksgiving) , mas com certeza o jovem, sua família e amigos tiveram um motivo a mais para agradecer e celebrar.

Há pouco mais de quatro meses Jefferson Silva e sua mãe Rosangela Madureira, tiveram uma notícia que certamente foi uma das mais impactantes que já receberam. Após frequentes e intensas dores de cabeça, no mês de julho Jefferson foi diagnosticado com leucemia. Iniciava-se ali uma luta contra o tempo para conseguir achar um doador compatível de medula óssea para Jefferson. Foram diversas campanhas de conscientização. A comunidade brasileira se comoveu com o caso e tem acompanhado principalmente pelas redes sociais. Semana passada ele completou 19 anos e ganhou uma festa surpresa em Lowell, com a presença de cerca de 130 pessoas.

Rosangela conta que durante esses quatro meses ela e o filho receberam muito carinho, orações e força de pessoas até de outros países. “Não posso citar um por um por que é muita gente. Meu filho recebe mensagens até de pessoas de outros países”, afirma Rosangela.

Até que a tão aguardada notícia chegou e hoje pode ser comemorada por todos que torcem pela recuperação do jovem. Entre milhões de pessoas inscritas, foi localizado o doador compatível com o Jefferson e o mais interessante é que entre diversos países, o doador foi achado no Brasil. A única informação que a família tem é que o doador tem 30 anos. Mais informações sobre quem é o rapaz, só poderão ser obtidas por Jefferson e sua família após dois anos da transfusão.

Jefferson fez a transfusão de medula óssea na última quinta-feira, dia 25 no hospital em que permanece internado, o Children Hospital and Dana Farbe Boston. O procedimento, que é muito semelhante a uma transfusão normal de sangue, durou cerca de quatro horas e durante todo o tempo Jefferson permaneceu dormindo.

Rosangela contou, com exclusividade para o Brazilian Times, quais são os próximos passos para a recuperação do filho. “Ele deve ficar no hospital por mais quatro ou seis semanas. As medulas ósseas vão desenvolver para a imunidade dele subir, para só então liberarem ele para ir para casa. Vai depender da recuperação dele. A medula tem que aceitar o organismo do Jefferson e o Jefferson tem  que aceitar a medula. Eu tenho certeza que vai ocorrer tudo bem, o transplante foi um sucesso. Ele dormiu durante as quatro horas do transplante e esta bem, graças a Deus”. Ela aproveitou a oportunidade para agradecer a Deus, ao doador e a comunidade. “Eu quero agradecer a Deus por esse anjo doador e gostaria de incentivar as pessoas a se registrarem para serem doadores. Agradeço também a comunidade brasileira daqui e do Brasil, que tem orado pela vida do Jefferson. Continuem orando e pedindo a Deus, pois agora chegamos na etapa da vitória, mas é uma etapa muito delicada... De um ano de recuperação, de muita coisa pela frente ainda. Os médicos disseram que daqui para frente os cuidados são maiores. Vamos continuar lutando”, afirmou.

Fonte: Thaís Partamian Victorello