Publicado em 9/12/2016 as 8:00am

Polícia prende três suspeitos de assassinar brasileiro na Florida

Polícia prende três suspeitos de assassinar brasileiro na Florida

Há aproximadamente dois meses depois que um brasileiro morreu após ser agredido na cidade de Winter Park (Flórida), o Departamento de Polícia anunciou que três adolescentes suspeitos de envolvimento no caso foram presos nesta quarta-feira (07).

Dois deles, ambos com 15 anos de idade, foram indiciados por homicídio culposo e agressão na morte do brasileiro Roger Trindade. Um terceiro suspeito, de 14 anos, responderá por manipulação de uma testemunha. Os nomes dos acusados não foram divulgados porque eles são menores.

Roger é natural do Rio Grande do Sul e estava nos Estados Unidos há cerca de dez meses. De acordo com testemunhas, o brasileiro estava com os amigos quando foram surpreendidos por um grupo de jovens. Os colegas conseguiram correr, mas Roger não conseguiu fugir e foi agredido a socos e pontapés.

Ele chegou a ser levado para o hospital, mas sofreu morte cerebral. Após a morte, os pais retornaram ao Brasil para enterrar o rapaz e ficaram lá desde então.

Antes que a polícia anunciasse as prisões na quarta-feira, a mãe de Roger, Adriana Thomé, enviou um e-mail para o Orlando Sentinel:

"Eu cresci em um país onde as pessoas morrem todos os dias, num país onde uma parte da população é pobre e isso cria uma grande desigualdade social, mas ter que aceitar que meu filho foi espancado por jovens que têm educação, viver em uma comunidade como Winter Park é muito difícil ", disse ela. "... vou pagar um preço muito alto todos os dias da minha vida por não ter meu filho comigo. Minha pena não pode ser maior do que a deles. "Roger estava crescendo no mundo quase perfeito... Ele cresceu intelectualmente, e sua personalidade se definiu completamente, um jovem com um sorriso fácil, extremamente humorístico e, sobretudo, sempre bondoso e respeitoso com todos".

A mãe ainda disse que se lembra da última vez em que falou com seu filho. “Ele estava indo para o centro de Winter Park, comer um hambúrguer e passear com alguns amigos, e disse que o pai de seu amigo o traria de volta para casa. Ele disse que me amava”, se emociona. "Hoje sofro com uma dor que rasga meu peito todos os dias, sofro com a falta desse menino que iluminou a minha vida", finalizou.

Um dos adolescentes que responderá por homicídio culposo foi preso na Virgínia. Os outros dois estavam no Condado de Orange, na Florida.

“Um juiz do Condado de Orange selou suas declarações de prisão, que contêm mais detalhes sobre a morte de Roger e a investigação policial”, disse Pam Marcum, do Departamento de Polícia de Winter Park. O médico legista determinou que a morte foi causada por trauma oriundo de uma pancada muito forte.

Nestes quase dois meses desde, a polícia de Winter Park divulgou poucos detalhes sobre a investigação. Eles apenas afirmavam que sabiam quem estava envolvido na briga, mas não puderam fazer nenhuma prisão antes que o médico legista confirmasse a causa da morte, segundo relatou Marcum.

"Veremos se há outros fatos adicionais que podemos divulgar nos próximos dias", continuou.

Os adolescentes estão sob custódia e vão enfrentar um juiz no tribunal de menores, o qual decidirá se deve mantê-los em um centro de detenção juvenil ou enviá-los para casa, possivelmente sob prisão domiciliar ou outros termos.

Os promotores decidirão se continuarão os processos no tribunal de menores ou pedirão para eles serem julgados como adultos.

Fonte: Brazilian Times