Publicado em 5/05/2017 as 3:00pm

Grupo processa xerife anti-imigrante em Massachusetts

Thomas Hodgson se negou a fornecer documentos que mostram quem ele prendeu e se entregou o preso ao ICE

Um grupo de direitos civis processou um xerife de Massachusetts que se juntou a um programa federal de imigração e se ofereceu para enviar presidiários para ajudar a construir o muro na fronteira com o México, proposto pelo presidente Donald Trump.

O comitê de Advogados para Direitos Civis e Justiça Econômica apresentou um processo contra o xerife Thomas Hodgson, do Condado de Bristol. O objetivo é obter registros públicos relacionados à participação dele no programa que permite que sua equipe identifique e prenda imigrantes pelo fato deles terem entrado no país ilegalmente.

O grupo alega que Hodgson violou as leis de registros públicos do Estado recusando-se a liberar documentos em resposta ao pedido da organização.

O xerife anunciou em janeiro que seu escritório se uniria a programa controverso para aplicar as leis de imigração na sua jurisdição.

Hodgson se tornou conhecido na comunidade imigrante pela sua posição forte contra a imigração ilegal. Ele gerou medo e muitas pessoas mudaram do condado para não serem presas por ele e entregue para o Immigration and Custom Enforcement (ICE).

Fonte: Brazilian Times