Publicado em 10/05/2017 as 11:00am

Pólen: saiba como evitar as reações alérgicas

A primavera chegou e com ela as flores e também o pólen e as alergias à ele. A cada ano que passa mais pessoas se tornam alérgicas a esse verdadeiro "vilão".

O pólen é uma pequena substância que algumas árvores e flores dispersam pelo ar, geralmente no início da manhã, no final da tarde e em alguns momentos em que o vento balança as folhas das árvores caem e atingem pessoas geneticamente predispostas a desenvolveram a alergia respiratória.

A alergia ao pólen é um tipo de alergia respiratória muito comum que se manifesta principalmente na primavera causando sintomas como tosse seca, especialmente durante a noite, coceira e irritação nos olhos, garganta e nariz, fazendo muitas vezes, que a pessoa alérgica espirre sem parar.

Quando o pólen entra nas vias respiratórias os anticorpos do corpo identificam o pólen como um agente invasor e reagem à sua presença gerando sintomas como vermelhidão nos olhos, coceira no nariz e nariz escorrendo.

Não se pode evitar a alergia, por isso é necessário que se saiba quais são os procedimentos necessários para reduzir os sintomas alérgicos.

Procedimentos para evitar a reação alérgica:

  • Usar óculos de sol para diminuir o seu contato com os olhos;
  • Deixar as janelas de casa e as do carro fechadas no início da manhã e no final da tarde;
  • Deixar os casacos e sapatos logo na entrada de casa;
  • Evitar deixar as janelas de casa abertas nas horas em que os polens estão soltos pelo ar;
  • Evitar frequentar jardins ou locais com muito vento;
  • Não secar a roupa ao ar livre;

Se mesmo assim você não conseguir evitar as reações alérgicas, marque uma consulta médica para que um especialista possa te dar opções para tratar a alergia e seus sintomas.

Fonte: Brazilian Times