Publicado em 16/06/2017 as 12:59pm

Vídeos de diretor e publicitário paulista ganham destaque no mundo

Trabalhos do diretor de filmes Juliano Magalhães, que hoje produz vídeos nos Estados Unidos, já foram para países como Chile, Alemanha,Noruega, França, África, Haiti e mais recentemente para Londres.

A paixão por vídeos é coisa antiga. Os clipes do Michael Jackson, cheios de efeitos e sons, já deixavam Juliano Magalhães fascinado em frente à televisão. Aos poucos e de forma quase despretensiosa, o gosto pessoal do adolescente começou a virar profissão. Aliás, os primeiros vídeos foram feitos por causa de outro hobby: Oldschool break dance – Hip Hop!

“Eu dançava e participava de alguns campeonato nacionais. Aos poucos, acabei juntando a paixão pelos vídeos com o hobby da dança e RAP – (Ritmo e Poesia), em que eu tive a oportunidade de estar com os maiores nomes do RAP, como Racionais MC,s, Thaide e Dj hum.Toda vez que dançávamos e cantávamos nos eventos e participávamos de campeonatos, eu gravava e até comercializava as fitas” , conta Juliano.

Nesta época, o rapaz nascido em São Paulo e que hoje faz história em Massachusetts (EUA), nem imaginava que teria seus vídeos enviados e assistidos por pessoas em várias partes do mundo, como Chile, Estados Unidos, Alemanha, Noruega, França, África e Haiti.

“Foram experiências incríveis que acabaram ganhando o mundo. Um deles foi um documentário em que trabalhei com 2 anos de arquivo e o resultado foi tão bacana que ele foi destinado para quatro países. Fora isso teve um material que gravei para a Rede Globo como (premio comunique-se) , um videoclipe para a África e um evento social para a Noruega”, conta o publicitário que virou diretor de filmes.

O jovem que amava dançar break, cantar RAP e assistir a videoclipes acredita que parte de seu diferencial no trabalho de hoje vem desta época adolescente.

“Eu sempre amei observar o modo de direção de filme americano, o diferenciais de técnicas de imagens, story board, roteirização … Com isso, sempre prestei muito atenção em cada um desses detalhes e incluía nas minhas filmagens e edições”, afimra.

Dentre as tantas e boas histórias que agora Juliano coleciona na Terra do Tio Sam, uma deve ficar para a história. O jovem, que já gravou em Nova York, Massachussets / Washington DC e outros cantos dos Estados Unidos, acabou fazendo um vídeo de graça para o Haiti e que até agora já tem mais de 52 mil views.

"Essa foi uma história muito engraçada. Eu estava andando de bicicleta em Malden acabei conhecendo uns jovens do Haiti – Patrice Voltaire . A gente conversou pelo google tradutor, porque ninguém se entendia. Até que, em um momento da conversa quando eu estava mostrando meus vídeos, um deles me pediu ajuda para fazer um vídeo porque eles queriam fazer, mas não tinham como pagar. Hoje, o vídeo que depois chamamos de BRAIN JÈN - BANM VOLUM é um grande sucesso no Haiti” , conta o diretor.

De sorriso largo e passo sossegado, Juliano que há 24 anos, gravava shows de rap e apresentações de dança hoje virou referência em direção de vídeos em Massachussets e ajuda quem está começando. “Quando a gente ensina, também aprende. Tenho muito a fazer aqui nos Estados Unidos ainda… Antes de ir para Roma que é um dos meus sonhos. Isso sem falar no próximo projeto já em andamento que é fazer um videoclipe no Grand Canyon aqui nos Estados Unidos”, diz o rapaz que agora está gravando um clipe musical americano, Kashaun Carter.

Jornalista

Luciane Horcer

Atenciosamente
Film Director JULIANO MAGALHÃES
Phone: +1(781) 526 - 3159

My Channel - VIMEO
http://bit.ly/2drBVkD

My FACEBOOK
http://bit.ly/2dy4fyV

Fonte: Redação - Brazilian Times