Publicado em 26/06/2017 as 4:00pm

Palestra sobre educação para imigrantes reuniu brasileiros na Tufts University

Evento aconteceu na manhã de sábado, 24, no Cabot Asean Auditório, em Medford (MA)

Palestra sobre educação para imigrantes reuniu brasileiros na Tufts University A comunidade brasileira teve a oportunidade de sanar as duvidas inerentes as possibilidades de estudos nos EUA

Mesmo com a chuva que caia na cidade de Medford (Massachusetts) na manhã de sábado, 24, cerca de 50 brasileiros, entre pais e estudantes, se reuniram em um dos auditórios da Tufts University para ouvir, perguntar e se informar sobre as possibilidades de estudos para filhos de imigrantes nos Estados Unidos.

Essa foi o segundo encontro gratuito promovido pela PADREF e pela BRZ Insurance, com o apoio do Bazar Boston Novo, a Web Rádio Insuperável e o Consulado Geral do Brasil em Boston.

O tema desse segundo encontro foi “Como estudar na América”. Seis palestrantes explanaram sobre os desafios e as possibilidades de filhos de imigrantes estudarem em universidades americanas renomadas.

O empresário brasileiro que estudou na Tufts, Tiago Prado foi um dos palestrantes

Seis palestrantes contaram um pouco de suas experiências e deram importantes dicas para quem pretende ter um futuro transformado através da educação de qualidade.

O evento teve início com Giordano Ferreira que falou sobre como fazer mestrado e doutorado na América. Na sequência a brasileira Letícia Prado falou sobre bullying nas escolas e as vantagens do trabalho voluntário para a vida acadêmica. A estudante da Framingham High Scholl, Hadassa Helena Viana, de 17 anos, foi convidada a contar um pouco de sua experiência e suas superações como uma estudante de destaque em uma escola pública. Tiago Costa discursou sobre o que vem após o college, Rodolpho Sanz seguiu ministrando com o tema “Como estudar na América” e o empresário Tiago Prado fechou o evento detalhando as possibilidades de um imigrante conseguir bolsas de estudos.

O evento finalizou com uma rodada de perguntas para sanar as dúvidas da plateia.

Se você perdeu a oportunidade de participar do evento, o Brazilian Times fez um live que você pode conferir na página oficial do Brazilian Times no Facebook.

Fonte: Thaís Partamian Victorello