Publicado em 28/06/2017 as 12:00pm

Aplicação com cone e fogo promete diversos benefícios à saúde

Conheça a técnica desenvolvida pela brasileira Lucélia Monteiro.

Aplicação com cone e fogo promete diversos benefícios à saúde A brasileira já desenvolve a técnica há 10 anos

Nascida em Lavras, estado de Minas Gerais, a brasileira Lucélia Monteiro tem se destacado em Boston (Massachusetts) e região desenvolvendo uma técnica adquirida por tradição familiar, em que se utiliza de cones chineses e fogo para fazer uma aspiração na região do ouvido. “Trabalho com essa técnica há 10 anos, mas foi aos poucos que fui me especializando e descobrindo novas técnicas para desenvolver meu trabalho”, conta.

A brasileira ainda relata que aplicação é bastante simples, apesar de, à primeira vista, o fogo assustar um pouco os pacientes. “Coloca-se a parte mais fina do cone na entrada do ouvido e, em seguida, acende-se a outra extremidade. Assim que o fogo consome todo o oxigênio contido no interior do cone, inicia-se um suave processo de sucção”, relata Lucélia.

Essa aspiração, juntamente com a fumaça e o calor, mobiliza todo muco acumulado nas passagens internas do ouvido, nariz e garganta. Uma aplicação, porém, não faz milagres. Conforme Lucélia Monteiro, são necessárias, no mínimo, três sessões para que os resultados comecem a ser percebidos.

Benefícios da técnica:

- Além de ser desintoxicante, a aplicação também promove o equilíbrio emocional e apura os sentidos - explica Lucélia.

Indicações

Dor de ouvido, rinite, sinusite, labirintite, congestão nasal, estados gripais, pigarro, tosse, ressonar (ronco), dor na garganta, asma, pressão nos ouvidos, zumbidos, etc.

* A técnica proporciona alívio das tensões na cabeça (dores de cabeça e enxaquecas), alinha os chakras e reduz a ansiedade o estresse e o nervosismo do dia a dia.

* Os cones podem ser usados por crianças e adultos, sem limite de idade, desde que seja aplicado por um profissional habilitado.

* O cone não deve ser usado em pessoas que passaram por processos cirúrgicos recentes, com perda de audição congênita e tumores no ouvido.

Cera e muco

Lucélia conta que ao contrário do que muitos pensam, o cone chinês não é usado para tirar a cera do ouvido, mas para "puxar" o muco excessivo contido em várias áreas da cabeça. “Esses cones também auxiliam pessoas que estão tentando parar de fumar ou sofrem de bruxismo. O ideal é que eles sejam aplicados com a pessoa deitada, pois o relaxamento pode fazer o paciente dormir”, afirma.

A brasileira permanece prestando atendimento em Massachusetts por mais um mês. Para saber mais sobre a técnica aplicada por Lucélia, bem como locais e horários de atendimento, entre em contato através do telefone (617) 409-9064.

Fonte: Redação - Brazilian Times