Publicado em 5/07/2017 as 12:30pm

Inscrições para o ENCCEJA Florida já estão abertas

O exame é destinado a jovens e adultos que moram no exterior e não tiveram a oportunidade de concluir seus estudos no Brasil.

As inscrições para o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (ENCCEJA) no Exterior começaram nesta segunda-feira, 3 de julho e vão até 23h59 (horário de Brasília) do dia 17 de julho. As inscrições são gratuitas. O exame é destinado a jovens e adultos que moram no exterior e não tiveram a oportunidade de concluir seus estudos no Brasil. A prova fornece o diploma de Ensino Fundamental ou Ensino Médio.

A inscrição é feita exclusivamente pelo endereço sistemasEncceja2.inep.gov.br/exterior. Para efetuá-la, é preciso fornecer o número de CPF (que será utilizado para emissão do certificado e da declaração parcial de proficiência), e o número do passaporte. Para a certificação do Ensino Fundamental, o participante deve ter 15 anos completos na data da realização da prova. Para a certificação do Ensino Médio, a idade é de pelo menos 18 anos na data da prova.

No dia 10 de setembro, os portões de acesso aos locais de prova serão abertos às 7h e fechados às 8h, no turno matutino; e abertos às 13h e fechados às 14h no turno vespertino, de acordo com o horário de Miami. O horário de aplicação das provas será:

Ensino Fundamental

Manhã - das 8h às 12h (Horário de Miami)
- Ciências Naturais;
- Historia e Geografia
Tarde - das 14h às 19h (Horário de Miami)
- Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna, Artes, Educação Física, Redação;
- Matemática.

Ensino Médio

Manhã - das 8h às 12h (Horário de Miami)
- Ciências da Natureza e suas Tecnologias;
- Ciências Humanas e suas Tecnologias
Tarde - das 14h às 19h (Horário de Miami)
- Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Redação;
- Matemática e suas Tecnologias

Local: Must University (1 Oakwood Blvd Suite 120), Hollywood, Flórida.

Participantes que necessitam de atendimento especializado e/ou específico devem informar, na inscrição, a condição que motiva a solicitação. É necessário ter documentos comprobatórios dessa condição, que podem ser exigidos pelo Inep a qualquer momento. O atendimento especializado é direito de participantes com baixa visão, dislexia e deficiência física. Auxílios ou recursos de acessibilidade necessários também só podem ser solicitados na inscrição. As opções são: prova com letra ampliada, prova com letra super ampliada, sala de fácil acesso e mobiliário acessível. O atendimento específico é destinado a gestantes, lactantes e idosos.

Para a certificação dos participantes serão consideradas a pontuação mínima indicada pelo Inep e a declaração parcial de proficiência (por área de conhecimento). A emissão desses documentos é de responsabilidade do Colégio Pedro II, do Rio de Janeiro, e do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Brasília. Para a certificação, o participante poderá aproveitar os resultados obtidos em edições anteriores do Encceja (2013, 2014, 2015 e 2016) e também do Enem.

Fonte: Redação - Brazilian Times