Publicado em 2/08/2017 as 10:00am

Brasileiros estariam na mira de golpistas que prometem Green Card

Alerta sobre o golpe tem sido denunciado nas redes sociais.

Brasileiros estariam na mira de golpistas que prometem Green Card O Green Card ainda é um sonho para muitos imigrantes.

Mais um golpe tem assolado a comunidade brasileira residente nos Estados Unidos. De acordo com denúncias nas redes sociais, um e-mail tem se espalhado entre brasileiros, cuja abordagem se dá na falsa notícia de que a pessoa que recebeu tal informe, teria sido selecionada em uma loteria de Grenn Card, porém de acordo com pessoas que chegaram a responder o correio eletrônico, isso se trata de uma tentativa de golpe, onde o mesmo é induzido a fazer um pagamento e passar os dados cadastrais para receber o benefício de tal documento.

“Há algumas semanas minha sogra recebeu um comunicado dizendo que ela havia sido sorteada na loteria do Green Card. Na hora ela ficou super feliz... Mas depois que a euforia passou, ela entendeu que nem se inscreveu para nada, como poderia ter sido sorteada? Orientamos ela a nem responder o tal e-mail. Depois, pela internet, descobrimos que esse tipo de falso comunicado na verdade fazia parte de um golpe e que outros brasileiros também estavam recebendo, em que quando a pessoa responde o aviso, informam que é preciso pagar algumas taxas e passar informações pessoais, para que a pessoa receba o documento, que na verdade nunca chega por que não existe”, conta Caroline Amaral, de 24 anos, moradora da cidade de Hudson (Massachusetts).

A informação de loteria de Green Card para brasileiros por si só não se confirma, uma vez que o Brasil está de fora do programa de sorteio de vistos permanentes (Green Card) promovido anualmente pelo departamento de Estado americano, chamado de Diversity Immigrant Visa Program (DV).

Todos os anos o governo americano sorteia 50 mil Green Cards para pessoas de diversas nacionalidades, porém o Brasil não se qualifica, de acordo com as regras estabelecidas pelo governo americano, para participar do programa.

O Diversity Program, conhecido também como a Loteria do Green Card, funciona exatamente como um sorteio. Os cidadãos dos países qualificados que querem imigrar para os Estados Unidos inscrevem-se e aguardam a escolha, realizada aleatoriamente. Quem for sorteado poderá candidatar-se a um green card, depois de passar por um rigoroso processo de verificação de antecedentes.

Além do Brasil, países como: Bangladesh, Canadá, China (continental), Colômbia, El Salvador, Haiti, Índia, Jamaica, México, Nigéria, Paquistão, Peru, Filipinas, Coreia do Sul, Reino Unido e territórios (exceto a Irlanda do Norte) e Vietnam, estão fora do programa para o ano fiscal de 2018.

Fonte: Redação - Brazilian Times