Publicado em 1/11/2017 as 12:00pm

Acusado de assassinato, imigrante é preso tentando reentrar nos EUA

O suspeito de ter assassinado, a facadas, uma pessoa no bairro de Edenvale, São Jose...

Acusado de assassinato, imigrante é preso tentando reentrar nos EUA Deven Bargas, 20, foi preso dia 27.

O suspeito de ter assassinado, a facadas, uma pessoa no bairro de Edenvale, São Jose (California), em meados de outubro, foi preso enquanto tentava reentrar novamente nos Estados Unidos, pela fronteira mexicana, de acordo com uma nota emitida pelo Departamento de Polícia local.

Deven Bargas, de 20 anos, foi preso na sexta-feira (27), na fronteira entre os EUA e o México, por oficiais da Patrulha de Fronteira que descobriram um mandado de assassinato emitido contra ele. A descoberta aconteceu quando eles examinaram a identidade do imigrante.

Bargas era procurado pela morte de Lucas Gutierrez, de 21 anos, que foi encontrado esfaqueado na manhã do dia 18 de outubro. A vítima foi socorrida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital.

No início da investigação, os detetives recolheram informações que mostravam que Bargas fugiu para o México após o crime. A polícia não divulgou como ou se o suspeito e a vítima estavam conectados.

Bargas está preso sem fiança na prisão do condado de San Diego, onde foi indiciado por suspeita de assassinato em primeiro grau. Espera-se que seja transportado para o condado de Santa Clara na próxima semana.

O esfaqueamento é o 28º este ano em San Jose.

Qualquer pessoa que tenha informações sobre o caso pode entrar em contato com o detetive Sargento da polícia de San Jose, Bert Milliken, ou detetive Raul Corral através do telefone 408-277-5283. Também podem deixar uma informação no Silicon Valley Crime Stoppers, no 408-947-STOP, ou www.svcrimestoppers.org. As informações podem ser elegíveis para uma recompensa em dinheiro.

Fonte: Redação - Brazilian Times