Publicado em 15/11/2017 as 2:00pm

Mãe presta conta de almoço beneficente na grande Boston

Aconteceu no domingo, dia 12, o almoço beneficente promovido para ajudar o pequeno Christopher, que sofre de paralisia cerebral.

Mãe presta conta de almoço beneficente na grande Boston O pequeno Chris sofre de paralisia cerebral e continua a precisar de sua ajuda

Aconteceu no domingo, dia 12, o almoço beneficente promovido para ajudar o pequeno Christopher, que sofre de paralisia cerebral. O objetivo era arrecadar cerca de US $5,500, quantia esta que seria utilizada para pagar o tratamento de uma terapia intensiva chamada Therasuit, um sistema criado para ajudar crianças como Chris.

Este tratamento existe em Michigan e o valor arrecado com o almoço beneficente será utilizado para pagar as quatro semanas de terapia e outras despesas como aluguel de carro para transportar Chris até a clínica durante o tratamento, passagens áreas, hospedagem e outros como alimentação.

O Therasuit vai melhorar e mudar a propriocepção (pressão das articulações, ligamentos, músculos), reduzir os reflexos patológicos do paciente, restaurar as sinergias musculares fisiológicas (padrões adequados de movimento) e carregar todo o corpo com peso (processo semelhante a uma reação dos nossos músculos às forças gravitacionais agindo por 24 horas). "Este tratamento tem a duração de quatro semanas, cinco dias na semana, três horas por dia", explica.

Em uma publicação emocionante, a mãe de Chris, Teresa Pereira, agradeceu as pessoas que contribuíram para a campanha comprando marmitex. Ela disse que quando pensou em realizar o almoço beneficente, pensou em desistir porque sabia que iria precisar da ajuda de muitas pessoas. “Eu não queria incomodar ninguém, mas a minha necessidade de ajudar o meu pequeno grande guerreiro me deu todas as forças para encarar o desafio”, afirma.

Ela acrescenta que ficou surpresa e feliz com a quantidade de pessoas que abraçaram a causa. “Somente Deus pode recompensá-los. A caridade é o maior meio de servir a Deus e com o coração transbordando de gratidão agradeço a todos”, continua.

O total arrecadado com o almoço, de acordo com ela, foi de US $3,834, entre a venda de marmitas e doações em dinheiro. O valor não foi o objetivado pela campanha mas já é um grande passo para que o pequeno Chris possa iniciar o seu tratamento. “Estou imensamente agradecida pelas pessoas que me ajudaram e peço a Deus, todos os dias, que devolva o dobro para cada uma delas”, finaliza.

Fonte: Redação - Brazilian Times