Publicado em 15/11/2017 as 11:00am

Templo em Burlington (MA) gera fundos para ajudar imigrantes

Uma das beneficiadas é a First Parish Bedford Unitarian Universalist Church, que recentemente serviu de “santuário” para um brasileiro ameaçado de deportação.

Templo em Burlington (MA) gera fundos para ajudar imigrantes Igreja já serviu de santuário para brasileiro indocumentado

O Comitê de Justiça Social do Templo Shalom Emeth angariou US$ 2.400 para beneficiar três organizações que prestam apoio aos imigrantes indocumentados e suas famílias. O Programa Santuário na First Parish Bedford Unitarian Universalist Church, a American Civil Liberties Union Massachusetts e a família de Francisco Rodriguez serão os beneficiados pelos fundos. Cada um receberá US $ 800. O dinheiro foi levantado em um café inter-religioso que reuniu mais de 100 pessoas no dia 4 de novembro, na sede do templo.

O Comitê de Justiça Social planejou o evento em conexão com o seu objetivo de conscientizar sobre vários problemas sociais enfrentados pelos judeus e todos os norte-americanos nos dias atuais.

"Estamos trabalhando pelo mesmo objetivo - justiça para os nossos imigrantes - dando a todos uma oportunidade de ajudar", disse a presidente do Comitê, Phyllis Neufeld. "Nós somos todos irmãos e irmãs nesta luta".

Francisco Rodriguez, um zelador na MIT que chegou aos Estados Unidos há 10 anos, enfrenta deportação para El Salvador, depois de ter recebido direito de permanecer neste país por quatro anos. Ele foi preso em 13 de julho e detido no escritório da ICE em Burlington (Massachusetts), após a agência negar a renovação de sua autorização temporária para permanecer nos EUA e ordenou que ele voltasse para seu país natal.

Além de trabalhar no MIT, Rodriguez dirige um negócio de limpeza de tapetes, e ajuda na escola de seus filhos e na igreja que frequenta. A mãe de Francisco, Jessi Rodriguez, e sua filha, Mellanie Rodriguez, participaram do recente café com Lily Huang, de Massachusetts Jobs with Justice, e agradeceram a todos pelo apoio à família.

Huang disse na semana passada que Rodriguez está aguardando uma decisão de um recurso da Junta de Imigração para reabrir o seu caso. Ele está preso no Centro de Detenção Suffolk há mais de três meses. Doações para a família Rodríguez podem ser enviadas para Massachusetts Jobs With Justice, Lily Huang, 375 Center Street, Jamaica Plain, 02130.

A First Parish Bedford Unitarian Universalist Church trabalha para proteger os imigrantes ameaçados de deportação, fornecendo o local como um santuário. Eles recentemente protegeram um brasileiro que enfrentou a deportação, mas recebeu uma estadia depois de ficar pouco tempo na igreja. A ACLU defende e preserva os direitos e liberdades individuais garantidos na Constituição e Declaração de Direitos dos EUA.

O nome do brasileiro não foi revelado pela igreja.

Fonte: Redação - Brazilian Times

Top News