Publicado em 15/12/2017 as 11:00am

Ato pró-imigrante é atacado por supremacistas brancos em MA

O grupo vem realizando uma campanha de ataques ao Ato Comunidades Seguras, principalmente na região do senador Jamie Eldridge.

Ato pró-imigrante é atacado por supremacistas brancos em MA Ações estão provocando divisões na comunidade.

Uma campanha mentirosa, liderada pelo grupo anti-imigrante Massachusetts Fiscal Alliance, e usando dados forjados pela organização Federation of American Immigration Reform (FAIR), está disseminando o medo e a divisão nas comunidades distribuindo cartazes com afirmações incorretas sobre o Ato comunidades Seguras de autoria do senador James Eldridge e da deputada estadual Juana Matias.

O Centro Southern Poverty Law Center classifica FAIR como um grupo de supremacia branca e a campanha está sendo feita principalmente nos distritos do senador Eldridge. O Grupo Mulher Brasileira recebeu algumas chamadas de membros que viram ou acharam o cartaz em suas caixas de correio.

O Grupo Mulher Brasileira Esta é a declaração do Grupo Mulher Brasileira sobre este assunto:

“A campanha impetrada pelos grupos de supremacia branca não é somente mentirosa e perigosa. É vil, enganosa, mesquinha, preconceituosa e demonstra desespero por parte desses grupos.

O projeto Ato Comunidades Seguras tem o endosso de 95 parlamentares de Massachusetts, um número recorde. As últimas eleições municipais de novembro e o pleito especial em Alabama, dia 12, demonstram que o povo rejeita o governo xenófobo que se instalou em Washington em janeiro de 2017.

O Grupo Mulher Brasileira apoia o projeto Comunidades Seguras e o trabalho do senador James Eldridge, cuja liderança e dignidade são incontestáveis. Somos gratas aos 92 parlamentares que assinam o projeto e pedimos ao Governador Charles Baker para exercer sua liderança na defesa de todos os moradores do estado, denunciando esta campanha mentirosa que cria o pânico e dificulta o trabalho das autoridades policiais porque mina a confiança do povo nas autoridades. Nós esperamos que a Comissão de Segurança Interna aprove e encaminhe o projeto. Não queremos ação antes do recesso natalino.

Todas nós, mulheres e homens, temos a obrigação de denunciar esta campanha. Tire um minuto do seu tempo e faça uma ligação para seu deputado e senador estadual e para o gabinete do senador James Eldridge (617-722-1120). Diga a eles como este projeto é importante para você, sua família e sua comunidade e agradeça aqueles que endossam a medida.

Fonte: Redação - Brazilian Times

Top News