Publicado em 14/04/2018 as 5:00pm

Nova York recebe 852 mil brasileiros em 2017

New York recebeu cerca de 852 mil viajantes do Brasil ao longo de 2017, uma alta de 34 mil...

Nova York recebe 852 mil brasileiros em 2017 Makiko Healy e Lisa Tejeda estiveram na WTM Latin America e divulgaram as novidades dos cinco distritos de NY.

New York recebeu cerca de 852 mil viajantes do Brasil ao longo de 2017, uma alta de 34 mil pessoas em relação ao ano anterior. O mercado brasileiro se consolidou como o 3º maior consumidor da cidade americana, com média de gastos de US$ 2.048 por pessoa, totalizando US$ 1,68 bilhão injetados na economia local.

Além da alta no público brasileiro, o NYC & Company, responsável pelo turismo da cidade, também comemorou a chegada de 62,8 milhões de turistas estrangeiros a NY em 2017, um novo recorde estabelecido.

Afim de mostrar aos turistas que chegam aos milhões todos os anos em NY, O NYC & Company tem exaltado as diversas vantagens e opções de atividades fora da ilha de Manhattan, destacando principalmente o Queens, Staten Island e o Brooklyn.

“Staten Island, que é majoritariamente residencial, é um lugar que tem se transformado e cada vez mais recebe atrações para os turistas como o Empire Outlet, um novo centro de compras, o Queens que reúne uma das culturas mais diversas e de diferentes nacionalidades, Midtown que foi revitalizada, o Bronx que reúne opções para a família e fãs de baseball. É um lugar que sempre se transforma”, destacou a diretora de desenvolvimento turístico, Makiko Healy.

“Para 2018 não temos um número absoluto de quanto queremos crescer, esperamos um aumento moderado. Nada muito acima da média mas com certeza positivo”, avaliou Makiko.

Brasileiros em Nova York ano a ano.

Oferta hoteleira

Nos últimos 8 anos a cidade de Nova York, entre as novas inaugurações hoteleiras, acrescentou 30 mil novos quartos disponíveis, o que elevou a oferta da Big Apple para 117 mil leitos para os turistas. Até 2020, os planos são de alcançar a marca de 138 mil.

O perfil do visitante brasileiro

Os mais de 852 mil brasileiros que visitaram Nova York no último ano foram perfilados pelo NYC & Company. O órgão apontou que os brasileiros contam com uma média de 9,6 dias de permanência (superior a média global de 8 dias), 50% viajaram sozinhos, 27% com um par, 10% com crianças. Cerca de 80% do público optou por permanecer em hotéis e a média de idade dos viajantes foi de 40 anos.

Representatividade nas Américas

A NYC & Company, durante a WTM Latin America, apresentou a nova diretora de Desenvolvimento do Mercado de Turismo, Lisa Tejeda, que atenderá a América Latina e o mercado hispânico dos Estados Unidos.

Em sua nova função, ela trabalhará em conjunto com representantes comerciais da NYC & Company no Brasil, México e Argentina para conduzir negócios para os cinco distritos de NY a partir desses mercados principais, além da Colômbia e do Chile (onde também há representantes baseados), Peru, Uruguai e EUA.

“A cidade de NY, um caldeirão de diversas culturas e idiomas, está experimentando um momento sem precedentes em sua história com inovadores desenvolvimentos, tornando-se um destino verdadeiramente único para promover e vender. Estou ansiosa para envolver os principais membros do mercado para impulsionar ainda mais as viagens do crescente mercado de visitantes latinos no próximo ano”, disse Lisa Tejeda.

Fonte: Redação - Brazilian Times