Publicado em 2/09/2011 as 12:00am

Ministro da Saúde defende tributação de cigarro, álcool e veículos para financiar saúde

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, defendeu nesta sexta (2), o aumento da tributação sobre cigarros, bebidas alcoólicas e veículos para financiar a saúde pública do país.

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, defendeu nesta sexta (2), o aumento da tributação sobre cigarros, bebidas alcoólicas e veículos para financiar a saúde pública do país. "Eu defendo que fontes possíveis [de verbas para a saúde] sejam tributação do cigarro, do álcool, de motocicletas e carros, pelo seus impactos na saúde", disse. Estas são as principais causas de mortes no país.

Ele também propôs a ampliação da parcela repassada ao sistema público de saúde do seguro DPVAT, destinado a financiar a assistência médico-hospitalar de vítimas de acidentes de trânsito.

Questionado se a presidente estava avaliando a criação de um novo imposto, Padilha defendeu Dilma. “Eu vi a presidente fazer uma crítica a quem criou a CPMF e não destinou estes recursos exclusivamente para a saúde”, explicou. 

Fonte: UOL.COM.BR