Publicado em 5/09/2011 as 12:00am

Inflação pelo IGP-DI volta a crescer em agosto, aponta FGV

Após o recuo do Índice Geral de Preços-Disponibilidade Interna (IGP-DI) em julho, o indicador voltou a registrar alta em agosto, com variação de 0,61%, segundo estudo divulgado nesta terça-feira pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). No mês anterior a taxa v

Após o recuo do Índice Geral de Preços-Disponibilidade Interna (IGP-DI) em julho, o indicador voltou a registrar alta em agosto, com variação de 0,61%, segundo estudo divulgado nesta terça-feira pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). No mês anterior a taxa verificada foi de -0,05%. No acumulado do ano a variação é de 3,52%, e nos últimos 12 meses, 7,81%.

O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) avançou 0,77% em agosto, ante decréscimo de 0,13% no mês anterior. Colaboraram para alta o índice relativo aos Bens Finais, que passou de 0,25% para 1,14%, Bens Intermediários, que diminuiu a queda de 0,33% para 0,30%, e Matérias-Primas Brutas, que saiu de recuo de 0,33% para avanço de 1,73%. Os maiores destaques foram verificados nos preços do minério de ferro, soja e cana-de-açúcar.

Já o índice que mede a inflação para os consumidores também cresceu, passando de -0,04% para 0,40% em agosto. A classe que apresentou maior avanço foi Alimentação, que saiu de -0,67% para 0,80%, com destaque para frutas, carnes bovinas e hortaliças e legumes.

Por outro lado, o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC), desacelerou a alta em julho de 0,45% para 0,13%. Materiais e Equipamentos e Mão de Obra colaboraram para o recuo, enquanto que Serviços acelerou de 0,34% para 0,47%. 

Fonte: terra.com.br