Publicado em 9/08/2012 as 12:00am

Baixa renda puxa alta da procura por empréstimos

A procura por empréstimos no mês de julho teve alta de 8% em relação a junho, segundo o indicador da Serasa Experian. Na comparação com julho do ano passado, o crescimento foi de 2%. É a primeira alta do indicador em relação ao mesmo mês do ano anterior.

A procura por empréstimos no mês de julho teve alta de 8% em relação a junho, segundo o indicador da Serasa Experian. Na comparação com julho do ano passado, o crescimento foi de 2%. É a primeira alta do indicador em relação ao mesmo mês do ano anterior.

Segundo a pesquisa, a demanda do consumidor por crédito reagiu mais intensamente nas camadas da população de mais baixa renda, principalmente entre os que possuem renda entre R$ 1.000 e R$ 2.000 mensais (alta de 8,2%).

Em nota, economistas da Serasa apontam que "as sucessivas reduções das taxas de juros, os incentivos fiscais de reduções do IPI e o início do processo de gradual normalização dos níveis de inadimplência do consumidor começam a impactar favoravelmente a retomada da busca do consumidor por crédito".

As maiores altas na busca do consumidor por crédito ocorreram nas regiões Sul, Centro-Oeste e Nordeste, com variações de 8,8%, 8,7% e 8,6% respectivamente. No Sudeste, a alta foi um pouco menor (7,7%).

Fonte: uol.com.br