Publicado em 6/09/2012 as 12:00am

Banco do Brasil e Caixa cortam juros para parcelamento do cartão

O Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal anunciaram nesta quinta-feira (6) um corte nos juros cobrados no parcelamento da fatura de alguns cartões de crédito.

O Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal anunciaram nesta quinta-feira (6) um corte nos juros cobrados no parcelamento da fatura de alguns cartões de crédito.

O parcelamento é uma opção que o banco dá ao cliente que não consegue pagar o valor da fatura integralmente na data de vencimento.

A outra opção que o cliente tem, nessa situação, é deixar a dívida rolar e começar a pagar juros do crédito rotativo. Nesse caso, porém, os juros são mais altos.

A mudança anunciada pelo Banco do Brasil vale para os cartões Ourocard. A taxa mínima do parcelamento da fatura, que era de 2,88%, passou para 1,94% mensais. A máxima passou de 5,7% para 3,94% ao mês.

As novas taxas valem para as faturas com vencimento a partir de 17 de setembro, e já constam das faturas que passaram a ser enviadas nesta semana para os clientes.

Nos cartões de crédito Caixa, a taxa mínima do parcelamento passou de 2,85% para 1,9% ao mês. A máxima foi de 4,83% para 3,9% mensais.

As novas taxas da Caixa estarão disponíveis para as compras realizadas em setembro e lançadas nas faturas de outubro em diante.

Bancos também cortaram juros do rotativo

A Caixa também cortou os juros cobrados no crédito rotativo do cartão, que é usado pelo consumidor quando ele deixa a dívida rolar. Nesse caso, no entanto, a mudança vale apenas até dezembro deste ano.

A taxa mínima do rotativo no cartão Caixa passou de 5,15% para 4,65% ao mês; a máxima passou de 9,47% para 5,65% mensais.

O Banco do Brasil cortou as taxas do crédito rotativo quando anunciou o programa de estímulo ao crédito Bom Pra Todos, em abril. Atualmente, as taxas do rotativo no banco variam de 2,88% a 5,7% ao mês.

Fonte: uol.com.br

Top News