Publicado em 21/10/2015 as 12:00am

Entradas para "Star Wars: O Despertar da Força" são vendidas por US$ 10 mil

Sites têm ingressos disponíveis a preços exorbitantes

Na ânsia pela estreia de "Star Wars: O Despertar da Força", entradas para as sessões de pré-estreia nos EUA - no dia 17 de dezembro - são revendidas por até US$ 10 mil na internet. No país, o filme estreia oficialmente no dia 18, uma sexta-feira.

Sites como eBay e Craiglist têm ingressos disponíveis para a quinta-feira a preços exorbitantes. Eles partem de US$ 750 por uma sessão em IMAX em Austin, no Texas até US$ 10 mil por um ingresso para uma sessão na pequena cidade de North Canton, em Ohio. Neste caso, o vendedor oferece uma carona de limousine e até mesmo um quarto de hotel se o cliente não morar na cidade (o que é bem provável).

Um dos negociadores admite que colocou o preço nas alturas só para chamar a atenção. Ele promete doar as entradas para "algumas crianças que não podem pagar para assistir o filme" caso não consiga revendê-las por US$ 10 mil. Uma das razões que justificaria os preços fora da realidade é o medo de alguns fãs de ver spoilers do Episódio VII. Vale lembrar que em alguns lugares da Europa o filme estreia oficialmente em 16 de dezembro.

O sétimo filme da franquia "Star Wars" quebrou o recorde de vendas antecipadas de ingressos nesta segunda (20). Segundo a revista "Variety", o longa superou "Jogos Vorazes" no site Fandango, um dos maiores dos Estados Unidos em venda de ingressos online.

O recorde é ainda mais impressionante se levarmos em consideração que a venda de "Star Wars: Episódio VII - O Despertar da Força" foi oito vezes superior a de "Jogos Vorazes".

O tráfego na internet foi tão grande que os sites de venda de ingresso "Fangando" e "MovieTickets.com" disseram que ficaram fora do ar por alguns minutos.

No Brasil, o filme tem previsão de estreia para 17 de dezembro de 2015. Segundo previsões, o longa deve bater todos os recordes de bilheteria no planeta. O site especializado Deadline prevê uma arrecadação de US$ 615 milhões a nível mundial já na abertura.

Fonte: bol.com.br

Top News