Publicado em 18/11/2015 as 12:00am

Val Kilmer diz ter sido convidado para estrelar 'Top Gun 2' com Tom Cruise

No Facebook, ele acrescentou depois: 'Eu queimei a largada com meu post'. Ator citou proposta do agente; Cruise afirma que 'seria divertido' participar.

O ator americano Val Kilmer, de 55 anos, informou nesta segunda-feira (16), em seu perfil no Facebook, que recebeu uma proposta para atuar ao lado de Tom Cruise no filme "Top Gun 2". Ainda em fase de pré-produção e sem data de estreia, o longa é sequência de "Top Gun: Ases indomáveis" (1986), também estrelado pela dupla de atores.

Horas depois, no entanto, Kilmer editou o post e acrescentou: "Mas esta é uma longa jornada, então tenham paciência. Há muito tempo se tem falado sobre isso, e receber a oferta para um papel é muito diferente de fazer um papel. Eu queimei a largada com o meu post [em inglês: 'I jumped the gun with my post']... Um erro inocente. Foi apenas um maravilhoso telefonema do meu agente...".

Ele ainda fez um trocadilho com a expressão original e o nome do filme: "I jumped the topgun".

Do conteúdo inicial de sua confusa mensagem, o ator manteve o seguinte comentário: "Acabei de receber a oferta para [atuar em] #topgun2 – não é sempre que você diz 'sim' sem ler o roteiro. [Se] 'É estrelado por Gene Hackman...' [Você diz] 'Sim'. [Se] 'O diretor é Francis Coppola'... [Você diz] 'Sim!'. Eles não estão envolvidos nesta produção ['Top Gun 2']. [Mas] São exemplos daquilo que faz um ator dizer 'sim' – assim como [o produtor] Jerry Bruckheimer e Tom Cruise!!!".

Kilmer também citou o diretor do primeiro "Top Gun", Tony Scott (1944-2012). O cineasta britânico cometeu suicídio ao pular de uma ponte em Los Angeles em 2012: "Todos nós sentiremos saudade de Tony Scott, um dos homens mais gentis que conheci neste negócio do cinema, mas vamos ligar os motores dos caças de novo!!!". 

Pelo visto, a explicação não bastou para acabar com as dúvidas dos fãs. Nesta terça-feira (17), Kilmer teve de reforçar o aviso: "Francis Coppola e Gene Hackman são exemplos daquilo que faz um ator dizer 'sim' [a um projeto]'. Eles não estão envolvidos [em 'Top Gun 2']. Mil desculpas pelo mal-entendido".

Nem Tom Cruise não confirmou
No primeiro "Top Gun", Tom Cruise e Val Kilmer interpretam, respectivamente, os pilotos de caças Maverick e Iceman. Embora não sejam inimigos, são considerados rivais. Desde a época do lançamento do filme, analistas apontam um possível homoerotismo por trás da relação competitiva dos personagens.

Considerado um clássico dos anos 1980, o filme teve arrecadação de US$ 354 milhões no mundo todo, a maior entre os trabalhos de Tom Cruise até a estreia de "Missão: Impossível", em 1996.

Em junho deste ano, o presidente da produtora Skydance, David Ellison, declarou que o astro deve estar na sequência. "Há um papel maravilhoso para Maverick no filme, e não há 'Top Gun' sem o Maverick, será Maverick interpretando Maverick", disse. "Eu não acho que será algo que as pessoas esperam, e nós estamos muito, muito esperançosos de que possamos fazer o filme muito em breve."

O próprio Tom Cruise, contudo, ainda não confirmou seu envolvimento no projeto, embora em julho, em entrevista à agência de notícias Reuters, tenha comentado: "Seria divertido. Eu gostaria de voltar para aqueles jatos". 

O roteiro de "Top Gun 2" é assinado por Peter Craig, de "Atração perigosa" (2010), e Justin Marks, de "Street Fighter: A lenda de Chun-Li" (2009). De acordo com Ellison, a trama "adapta aquele mundo [do primeiro filme, de 1986] para o que pilotos de combate na marinha se tornaram hoje".

Em desenvolvimento há cerca de cinco anos, a produção deve contar a história do fim de combates com naves tripuladas e o uso de drones.

Fonte: globo.com