Publicado em 12/03/2008 as 12:00am

Maradona enfrenta Evo Morales em jogo beneficente na Bolívia

Maradona enfrenta Evo Morales em jogo beneficente na Bolívia

 O argentino Diego Maradona jogará na próxima segunda-feira, em La Paz, uma partida com a equipe do presidente da Bolívia, Evo Morales, em benefício às vítimas das inundações no país.

"Vou jogar com todo o meu coração. Acho que, neste momento, os bolivianos necessitam de todo o apoio do mundo. Estarei com vocês", disse Maradona, em mensagem difundida pelas emissoras bolivianas de televisão.

O vice-ministro de esportes, Milton Melgar, que, como jogador, teve passagens por River Plate e Boca Juniors, ficou surpreso com a atitude do argentino. "Foi algo muito bonito", disse, à rede de televisão "UNO".

O duelo será no estádio Hernando Siles de La Paz, a 3.600 m acima do nível do mar. Maradona prometeu levar outras estrelas do futebol para o jogo, como os ex-jogadores Alejandro Mancuso, Diego Latorre, Esteban Pogany e Mathías Almeyda, além de artistas e jornalistas argentinos.

De acordo com o diário "La Prensa", esta será a segunda visita de Maradona em 29 anos. Ele passou pela cidade quando ainda era juvenil do Argentino Juniors, em partida disputada em 1979. O astro visitou Santa Cruz e Cochabamba em 2004, quando inaugurou uma escolinha de futebol. No ano passado, ele prometeu a Morales disputar um amistoso no país para defender a prática do futebol em locais acima de 2.500 m.

Pela equipe de Morales, estarão em campo Marco "El Diablo" Etcheverry, Erwín "Platini" Sánchez, Carlos Borja e Marco Sandy, ex-astros da seleção boliviana que se classificou para a Copa do Mundo de 1994.

Para assistir ao jogo, o torcedor trocará alimentos e roupas por ingressos. Os produtos arrecadados serão destinados às vítimas das inundações na Bolívia. O país sofre com as chuvas desde novembro, com 70 mortes e cerca de 80 mil famílias atingidas.

Fonte: (uol.com.br)