Publicado em 20/11/2008 as 12:00am

Kaká minimiza vitória pessoal sobre Cristiano Ronaldo

Adversário do português Cristiano Ronaldo na corrida pelo título de melhor jogador do mundo de 2008, o meia Kaká sabe que essa disputa já está praticamente perdida

Adversário do português Cristiano Ronaldo na corrida pelo título de melhor jogador do mundo de 2008, o meia Kaká sabe que essa disputa já está praticamente perdida, pois passou boa parte da temporada entregue ao departamento médico do Milan.

Nesta quarta-feira, no entanto, o ex-são-paulino mostrou que, se tivesse disputado mais jogos no ano, teria enormes chances de conquistar o troféu da Fifa pela segunda temporada consecutiva.

Com um futebol rápido e objetivo, o craque não fez seu gol, mas foi decisivo para o Brasil alcançar a impressionante goleada por 6 a 2 sobre Cristiano Ronaldo e companhia.

Questionado sobre o duelo particular com o sete do Manchester United, foi claro: 'Desde o começo eu disse que não era uma disputa entre o Kaká e o Ronaldo, e sim entre duas boas seleções. Deu tudo certo, foi um excelente jogo e uma boa exibição. Foi o que todo mundo queria'.

Aposta no talento brasileiro: O técnico Dunga também não quis criticar o fraco desempenho do badalado craque português, mas deixou claro que acredita que o título de melhor do mundo do ano que vem será novamente de um brasileiro.

'Tem que respeitar tudo o que o Cristiano Ronaldo tem feito nos últimos anos e ele está merecendo (o prêmio), mas o Robinho também vem se completando e logo logo teremos dois ou três brasileiros concorrendo ao prêmio de melhor do mundo'. 

Fonte: (Superesportes)