Publicado em 24/06/2009 as 12:00am

Dunga duvida de Joel e espera África do Sul fechada

Dunga e Joel Santana não chegaram a um acordo em entrevistas concedidas nesta quarta-feira, véspera da semifinal entre Brasil e África do Sul

Dunga e Joel Santana não chegaram a um acordo em entrevistas concedidas nesta quarta-feira, véspera da semifinal entre Brasil e África do Sul. Primeiro o treinador da seleção anfitriã prometeu mandar o time para o ataque.

"Posso até perder, mas vou perder com honestidade jogando pra frente. Não há condição de defender 90 minutos contra a seleção brasileira. Nós não vamos nos defender para conseguir algum resultado. Vamos tentar jogar de igual para igual", avisou.

Depois, porém, o técnico do time canarinho mostrou que não acredita muito no colega. "Cada equipe tem suas características, sua forma de trabalhar e jogar. Agora você pode cornetar, falar, prometer. Mas é só na hora do jogo que vemos qual é a postura", cutucou.

Além de duvidar da ofensividade do adversário, Dunga também não se mostrou preocupado com a festa preparada pela torcida sul-africana e incentivada pelo técnico rival. "Este jogo é festa apenas para o público. Para nós, é trabalho", resmungou o capitão do tetra, que foi comandado por Joel em 1987, no Vasco.

Assim que soube que a África do Sul seria o adversário na semi, Dunga classificou Joel, como um dos melhores técnicos do Brasil. O treinador da África do Sul também elogiou o ex-volante, admitindo que o colega foi melhor dentro de campo, mas que é bem menos experiente no banco.

Fonte: (Superesportes.com.br)