Publicado em 9/10/2009 as 12:00am

Coulthard: 'FIA deveria ter punido Piquet'

Escocês ressalta que passou toda a carreira tentando evitar uma batida

Nelsinho Piquet já recebeu todo tipo de críticas após a batida proposital no GP de Cingapura/2008. O brasileiro, ex-piloto da Renault e filho do tricampeão mundial Nelson Piquet, agora é atacado pelo escocês David Coulthard, para quem Nelsinho não deveria ter saído impune.

- Foi muito ruim. Ruim para a Fórmula 1 e para os fãs. As revelações chocaram muita gente, inclusive eu. Não sei como alguém pode bater um carro de Fórmula 1 de propósito. Durante toda a minha carreira, tentei evitar batidas. Acho que a FIA deveria ter punido Piquet também. Ele foi tão culpado quanto qualquer outra pessoa - disse Coulthard ao jornal indiano "The Times Of India".

Nelsinho, porém, escapou de punição oficial. Flavio Briatore, chefe da Renault na época, foi banido de competições organizadas pela FIA, e Pat Symonds, diretor de engenharia do time francês, foi suspenso por cinco anos. A escuderia recebeu uma suspensão de dois anos, mas com sursis. Ou seja, o time não cumprirá a punição a não ser que cometa outra infração grave ao regulamento.

Coulthard, que pilotará um carro da RBR em uma ponte de Mumbai neste domingo, disse ainda que ficará surpreso se Nelsinho Piquet voltar à Fórmula 1.

Fonte: (G1)