Publicado em 20/07/2011 as 12:00am

Ex-ídolo da seleção alemã é achado desorientado na Itália

O ex-atacante do Bayern de Munique e da seleção alemã Gerd Müller, 65, desapareceu durante 15 horas e foi encontrado nesta terça-feira em estado de confusão mental em uma rua na cidade de Trento, no norte da Itália.

O ex-atacante do Bayern de Munique e da seleção alemã Gerd Müller, 65, desapareceu durante 15 horas e foi encontrado nesta terça-feira em estado de confusão mental em uma rua na cidade de Trento, no norte da Itália.

Campeão da Copa do Mundo de 1974, Müller estava concentrado na cidade italiana com a equipe juvenil do Bayern, onde trabalha desde 1992, para iniciar a pré-temporada da equipe. Na última segunda-feira, o ex-jogador tomou um táxi às 5h e pediu para ir para a estação de trem de Trento. Disse que voltaria para Munique, onde vive. Depois, não foi mais visto.

Campeão da Copa do Mundo de 1974, Müller estava concentrado na cidade italiana com a equipe juvenil do Bayern, onde trabalha desde 1992, para iniciar a pré-temporada da equipe. Na última segunda-feira, o ex-jogador tomou um táxi às 5h e pediu para ir para a estação de trem de Trento. Disse que voltaria para Munique, onde vive. Depois, não foi mais visto.

Seu desaparecimento foi denunciado por outros membros da comissão técnica dos juvenis do Bayern. A polícia italiana encontrou Müller 15 horas depois, caminhando pelo centro de Trento, em estado de desorientação.

O ex-jogador é uma lenda viva do futebol alemão. Além de ter marcado o gol que deu a Alemanha o título do Mundial de 1974, na vitória por 2 a 1 sobre a Holanda na final, Müller foi campeão europeu pela Alemanha em 1972 e é o segundo maior artilheiro na história das Copas, com 14 gols, só sendo superado por Ronaldo (15 gols). Após deixar o futebol, em 1982, o ex-jogador se submeteu a um longo processo de reabilitação por alcoolismo.  

Fonte: UOL.COM.BR