Publicado em 1/07/2012 as 12:00am

Brasil derrota a Turquia, mas título do Grand Prix fica com os EUA

A seleção brasileira feminina de vôlei abriu a última rodada do Grand Prix e fez a sua parte. Com boa atuação da central Thaisa, que anotou 19 pontos, a equipe de José Roberto Guimarães venceu a Turquia por 3 sets a 1 (25-21, 23-25, 25-20 e 25-15), mas nã

A seleção brasileira feminina de vôlei abriu a última rodada do Grand Prix e fez a sua parte. Com boa atuação da central Thaisa, que anotou 19 pontos, a equipe de José Roberto Guimarães venceu a Turquia por 3 sets a 1 (25-21, 23-25, 25-20 e 25-15), mas não foi o suficiente para conquistar a medalha de ouro e terminou com a prata pelo terceiro ano seguido.

Para ficar com o título, o Brasil precisava secar a seleção dos Estados Unidos, que encarou a China na partida que fechou a rodada na manhã deste domingo, e torcer por uma vitória das donas da casa.

Porém, as norte-americanas confirmaram o favoritismo e venceram as chinesas por 3 sets a 0 (26-24, 25-21, 27-25) para conquistar o título da edição 2012 do Grand Prix, a terceira conquista consecutiva dos EUA e o quinto da sua história.

A central Thaisa foi o destaque do Brasil no duelo contras as turcas. A jogadora exaltou a força do bloqueio e o crescimento do grupo brasileiro durante a competição. "O jogo de hoje [domingo] foi diferente da partida contra a Tailândia. Ontem [sábado] jogamos com um time que mexia muito na bola. Já a Turquia tem um jogo de bolas altas. Por isso, o nosso bloqueio teve papel decisivo. Hoje foi o dia deste fundamento", afirmou.

"Essa competição foi importante para o time. Não começamos bem na Fase Final do Grand Prix, mas nos recuperamos e jogamos como equipe", continuou.

A medalha de ouro pode ter um gosto ainda mais especial para Sheilla, aniversariante deste domingo. A jogadora brincou com a data e disse que pelo menos pode dizer que "a Sheilla de agora é mais experiente".

Para o duelo contra a Turquia, o técnico Zé Roberto mostrou que parece que encontrou a melhor formação para a seleção e voltou a repetir a escalação dos últimos jogos com Fernandinha, Fernanda Garay e Adenízia como titulares desde o começo.

Com um saque forte e eficiente, as brasileiras complicaram a recepção das turcas logo no começo e abriram uma boa vantagem (8-2). Thaisa comandou o time na parcial com sete pontos e o Brasil venceu o 1º set por 25 a 21.

Diferente da parcial anterior, o equilíbrio dominou o 2º set e o estrago na recepção mudou de lado. O saque turco começou a incomodar e nem as mudanças de Zé Roberto, que colocou Jaqueline e Mari em quadra, surtiram efeito. Com isso, a Turquia fechou o set em 25 a 23.

Animadas pela igualdade, as turcas começaram melhor o 3º set. Porém, a passagem pelo saque da central Fabiana, que entrou no lugar de Adenízia, fez com que o time brasileiro retomasse o controle do jogo para vencer a parcial por 25 a 20.

O Brasil não relaxou e decidiu com tranquilidade a partida no 4º set. Com destaque para as boas atuações de Fabiana e Sheilla, a equipe de Zé Roberto venceu por 25 a 15 e fechou o jogo em 3 sets a 1.

Fonte: uol.com.br