Publicado em 12/04/2013 as 12:00am

Jorginho minimiza bronca em Hernane: 'Eu não sou anjo'

Técnico diz que tem total confiança no atacante, que ainda não fez gol sob seu comando: 'O tempo vai mostrar o artilheiro que ele é'

A cena da última quarta-feira foi inesperada. Durante coletivo no Ninho do Urubu, Jorginho abandonou o vocabulário polido, perdeu a paciência com Hernane e se irritou. Diante dos jornalistas, surpreendeu ao xingar na reclamação.

- Se não se movimentar, não vai receber a po*** da bola. Se não chegar junto, os caras vão deitar em você. Tem que movimentar, não fica parado. Bota esse corpo firme. É duro. Tem que chegar junto. Toda hora tem que parar para falar contigo, po***!

Nesta sexta-feira, dia de sua entrevista coletiva, o treinador minimizou o episódio e disse que só quer o melhor do camisa 9. Apesar de ser o artilheiro do Carioca com nove gols, o Brocador não marca há cinco partidas. Desde que Jorginho chegou, ele só passou em branco.

- A gente tem que ter resultado o tempo todo. Toda especulação, comentário em cima de mudanças que eu faço, de soltar um po***, é impressionante. Qual é o treinador que não fala? Vou ter que dizer “querido, Hernane"?. Ninguém fala assim, gosto muito do Hernane. Uma questão de jogo já virou notícia. Eu não sou anjo, amigos. Sou gente, de carne e osso. Mas sempre querendo o melhor para o Flamengo. Acho natural chamar a atenção do jogador, o tempo vai mostrar com quem eu posso dar uma dura, abraçar, ter uma conversa ao pé do ouvido. É o tempo que nós teremos numa intertemporada.

Fonte: www.globo.com