Publicado em 6/05/2015 as 12:00am

Cesário participa de seminário de Jiu-Jitsu

Dando seguimento à sua busca pelo aprendizado e aprimoramento de suas técnicas, o lutador e instrutor de Jiu-Jitsu Cesário de Souza participou de mais um evento sobre artes marciais.

Dando seguimento à sua busca pelo aprendizado e aprimoramento de suas técnicas, o lutador e instrutor de Jiu-Jitsu Cesário de Souza participou de mais um evento sobre artes marciais. Desta vez ele esteve no The Headlock, um seminário sobre defesa pessoal. O workshop foi ministrado pelo Mestre Márcio Stambowsky, e foi realizado na Southcraft Jiu-Jitsu, na cidade de Handen (Connecticut).

Ele explica que foram três horas e meia de aprendizado onde o Mestre Márcio repassou técnicas e 14 posições usadas no Jiu-Jitsu para defesa pessoal. “Foi muito gratificante poder participar deste seminário com uma pessoa tão importante neste esporte”, fala ressaltando que sua busca pelo conhecimento é para poder propagar a arte marcial de maneira correta.

Cesário acrescenta que seu objetivo é apresentar um Jiu-Jitsu como o “Mestre Hélio Gracie”, longe da violência. “Infelizmente muitas academias de hoje repassam para as crianças um lado errado deste esporte e deixam de lado a disciplina, controle emocional e outras qualidades importantes que desenvolvemos com esta modalidade”, continua.

O lutador disse que ficou muito feliz em obter a faixa azul, que é quando um lutador de Jiu-Jitsu começa o seu aprendizado “que jamais terá fim”. Por isso ele tem participado de vários seminários e aulas particulares, no intuito de aumentar o seu conhecimento em torno do esporte e repassá-lo aos seus alunos.

No próximo mês de setembro, ó lutador vai comemorar 25 anos que pratica o Jiu-Jitsu e ele recorda que na época, o esporte era um dos principais caminhos para ensinar a disciplina a uma criança. “Mas atualmente este cenário mudou e está virando uma bagunça, por isso estou um pouco decepcionado com o esporte que eu amo e que mudou a minha vida”, fala.

Mestre Márcio Stambowsky, também conhecido como ‘Macarrão’, é faixa marrom de Judô e faixa coral (7 grau) de Jiu Jitsu e está entre os únicos cinco homens a ter o privilégio de ser graduado na faixa-preta pelo lendário Rolls Gracie. Ele, que foi um dos principais competidores da década de 80, é também o pai de um lutador top de seu nome Neiman Gracie Stambowsky.

Entre suas principais conquistas estão: Campeão do AABB (1981 faixa preta absoluto), Campeão Estadual do Rio de Janeiro (1985 – Judô), Medalha de Bronze nos Jogos da Macabíada (1985 – Judô).

Fonte: Da Redação