Publicado em 4/05/2016 as 7:00pm

Adriano tem estreia melancólica na Florida: 5 a 0

Atacante encerrou dois anos de inatividade e jogou os 90 minutos na goleada sofrida pelo Miami United na abertura da quarta divisão americana

O atacante Adriano voltou oficialmente a ser um jogador de futebol profissional, depois de mais de dois anos de inatividade. O resultado, porém, não foi nada animador. Neste domingo, sua equipe, o Miami United, foi derrotado por 5 a 0 pelo vizinho Miami Fusion na estreia do brasileiro em sua nova aventura nos Estados Unidos. A partida entre as equipes da Flórida foi válida pela rodada de abertura da National Premier Soccer League (NPSL), equivalente à quarta divisão dos Estados Unidos, que tem a Major League Soccer (MLS) como a sua competição de elite.

Adriano teve uma estreia oficial bastante discreta no Ted Hendricks Stadium, que tinha linhas de futebol americano pintadas no gramado e recebeu menos de 1.000 espectadores. O jogador de 34 anos jogou os 90 minutos, mas sequer conseguiu concluir para o gol - os dois chutes que tentou foram desviados na zaga. Por problemas de última hora na documentação, o Miami United não contou com os reforços brasileiros Diego Lima, Rodrigo Alvim e Camacho.

Adriano não entrava em campo desde abril de 2014, quando rescindiu contrato com o Atlético Paranaense após apenas quatro partidas e um gol. Em seu auge, o jogador foi ídolo da Inter de Milão, - na Itália, recebeu o apelido de Imperador -, do Flamengo e da seleção brasileira. Hoje, ainda lutando para recuperar a boa forma física, dá os últimos passos de sua carreira em uma liga de pouquíssimo prestígio.

O Miami United tentará se reabilitar na NPSL no próximo domingo, diante do Tampa Bay Roundies. No dia 14, ele reencontrará dois craques com quem jogou na seleção, Ronaldinho Gaúcho e Alex, que defenderão o Las Vegas City diante do Miami United, em amistoso em Las Vegas.

Fonte: braziliantimes.com