Publicado em 29/11/2016 as 5:30pm

Lateral esquerdo do Boston City Bruno Bonicontro fala ao BT

Prestes a ir para o Brasil, o atleta bateu um papo com o Brazilian Times para falar um pouco sobre sua carreira no futebol

O lateral esquerdo do Boston City Bruno Bonicontro, 25 anos, é uma das grandes promessas do futebol.  Filho do casal de brasileiros Claudio Henrique Bonicontro e Claudnea Lucia Pereira Bonicontro, o atleta nasceu em Framingham (Massachusetts) e passou parte da infância no Brasil. Seu interesse pelo futebol se deu ainda na infância, quando Bruno tinha apenas 5 anos de idade.

A dedicação e a disciplina do atleta é muito elogiado por seu Personal Trainer, o paulista Rafael Victorello. “Ele é um excelente atleta, muito focado, determinado e disciplinado durante os treinos. Torço para que Deus o abençoe para uma carreira brilhante de muito sucesso”, afirma o profissional.

Atualmente Bruno mora em Hudson (MA). Prestes a ir para o Brasil, onde irá fechar um contrato essa semana para jogar o campeonato estadual paranaense na primeira divisão, Bruno bateu um papo com exclusividade para o Brazilian Times.

BT: Quando você percebeu que deveria investir no esporte como profissão e não mais apenas como um hobby?

BB: Sempre sonhei em ser jogador igual a maioria das crianças no nosso país. Quando mudei de volta nos EUA e tive a primeira sondagem para ir paras seleções americanas de base, ai vi que não era só um sonho e que eu talvez teria uma oportunidade! Mas o caminho não foi fácil, tive muitas frustrações.

BT: Em quais times você já atuou?

BB: NO Worcester Hydra FC, Novo Esporte FC (MG - BRASIL), Ipatinga FC (MG - Brasil) atualmente no Boston City FC. Gostaria de aproveitar a oportunidade e agradecer ao Boston por acreditar no meu trabalho, ao Palhinha e o Renato principalmente! E parabenizá-los pelo grande trabalho que eles tem feito!

BT: Quem são seus maiores incentivadores?

BB: Quem me colocou na escolinha primeiro foi meu avô, que sempre me apoiou e acredito no meu potencial! Meus pais família em geral, meus amigos próximos!

BT: Qual o seu time do coração?

BB: Atlético (MG).

BT: Qual a sua rotina de treinos?

BB: No momento estamos de férias com o Boston City, então costumo treinar sozinho e faço um trabalho de academia e funcional com um Personal Trainer Rafael Victorello, em Marlborough.

BT: Qual o jogador de futebol da atualidade que você mais admira?

BB: Admiro muitos, cada um tem suas características. Falar em um nome só e difícil! Tem vários!

BT: Se não fosse jogador de futebol, qual seria a sua profissão?
BB: Realmente não sei, sempre acreditei no meu sonho, gosto de trabalhar em qualquer coisa que envolve o futebol.

BT: Quais os projetos para 2017?

BB: No momento estou a caminho do Brasil, no dia 30 de novembro para acertar pra jogar o campeonato estadual paranaense na primeira divisão.

BT: Qual o seu maior sonho?

BB: Igual a todos na minha profissão: chegar em um clube grande! 

BT: Qual o conselho que você daria para os jovens que sonham em ter uma carreira bem sucedida como tem sido a sua no futebol?
BB: Que não deixe que um "não" seja motivo para desistir de seus sonhos! Por que o “não” é essencial para o seu “sim” no futuro! Acredite em você acima de tudo e tenha muita dedicação!

Fonte: thais Partmatian / Brazilian Times