Publicado em 5/08/2008 as 12:00am

A ICE Libera Fugitivos

Anunciando uma nova politica, a ICE publicou uma comunicação, na qual os estrangeiros fugitivos que não comparecerem às entrevistas marcadas perante a corte da Imigração, podem ser liberadas, inves de serem guardadas na cadeia, enquanto estão providencia

Anunciando uma nova politica, a ICE publicou uma comunicação, na qual os estrangeiros fugitivos que não comparecerem às entrevistas marcadas perante a corte da Imigração,  podem ser liberadas, inves de serem guardadas na cadeia, enquanto estão providenciando a sua saída dos EUA, o mais rápido possível.

 

Anteriormente os fugitivos ficavam presos, juntamente com os estrangeiros criminais, independente do assunto imigratório ser resolvido na esfera civil e, não criminal. Nesse caso, os fugitivos civis ficavam presos junto com criminais por longo tempo, até serem deportados, um processo que poderia demorar muitos meses. Inclusive, alguns advogados se especializam em deportação, ou seja, literalmente trabalham para que os clientes sejam deportados o mais rápido possível, cobrando até 10.000 dollares pelo serviço.

 

A ICE também avisou que, em 2008, 26.000 fugitivos foram presos, e que há mais de 100 equipes de agentes especiais que procurarm fugitivos em toda parte dos EUA. Geralmente a ICE procura os fugitivos pelos registros públicos, tais como carteira de motorista, registro de veiculos, bem como por outros meios.  Costumeiramente fugitivos sao presos durante o periodo da madrugada, quando a ICE bate na porta das residências sem ou com um mandado.

 

ICE estima que nos EUA há 572.000 fugitivos com ordem de deportação, sendo que 457.000 desses fugitivos não são estrangeiros criminais com delitos e outros antecedentes.  O motivo da liberaracao dos fugitvos civeis é a diminuicao dos custos do governo em manter inumeras pessoas em carcere e permitir as famílias ficarem juntas, em vez de ficarem separadas. A separação acontece quando um membro da família só fica preso. Por exemplo, muitas vezes as crianças e a mãe ficam livres, sem serem presos, mas o marido o pai da família vai à cadeia. Devido a este novo programa, ninguem vai para a cadeia sem ser criminoso.

 

Fugitivos terão que sair do país dentro de 90 dias, mas parentes e familiares que são cidadãos, residentes permanentes e estrangeiros com status legal podem permanecer nos EUA, enquanto os ilegais deixam o pais. É claro que muitos estrangeiros preferem voltar ao país de origem, em vez de ficar sozinhos aqui.

 

Segundo ao governo, uma vez que os fugitivos prometem de sair de forma escrita, não é considerado um grande risco deixa-los livres. Lembre-se, que pela lei, os fugitivos já tiveram uma audiencia com juiz ou, poderiam ter tido mas não compareceram e, como os juizes já concederam Mandados de Deportação, os mesmos não merecem nada mais do que uma saida tranquila e rápida dos EUA.

 

A possibilidade de uma anistia é grande depois das eleições e, o governo quer que as demais pessoas saiam já, para ter menos pessoas anistiadas no futuro. O estrangeiro ilegal será bem vindo se tiver anistia, mas por enquanto os ilegais são bem vindos somente se sairem do país.

Fonte: (Da redação)